Cupons de desconto + Cashback é no Cupomzeiros

TOP 5 Melhores Dicionários Inglês-Português: Are you ready?

O inglês é considerado uma das línguas mais fáceis do mundo, por isso mesmo é considerada universal. Isso quer dizer que aprendendo o idioma, você consegue se comunicar em praticamente qualquer parte do mundo.

Mas, para quem não é nativo, a ajuda deles é essencial: vamos conhecer os melhores dicionários inglês-português do mercado, para você trilhar com mais conforto o caminho da fluência. Até porque, aprender um segundo idioma é abrir portas de vida e carreira para o mundo!

Busque pelo seu produto em lojas confiáveis e aproveite o melhor das ofertas

Você a caminho da fluência com os melhores dicionários inglês-português

Seja para fazer a prova do bimestre escolar, para fazer exame pré-vestibular, passar na seleção de emprego ou de mestrado, ou conquistar a fluência no idioma, um bom dicionário sempre nos acompanha, afinal, ajuda a ganhar familiaridade com a nova língua, e evita pagar aquele mico, na hora de conversar.

Se liga nessa lista:

Magic Kids Dicionário escolar

Encontre a tradução de mais de 35.000 verbetes da língua inglesa e aumente seus conhecimentos neste idioma!

Este dicionário também traz diversas informações relacionadas à língua inglesa que vão auxiliar você no seu cotidiano escolar, como uma breve apresentação da história desse idioma, uma lista de phrasal verbs e de verbos irregulares, além de frases fundamentais para se comunicar em diferentes situações.

Edição de 2021 da “Ciranda Cultural”

Dicionário Positivo – Bilíngue Prático

Com esse dicionário de 800 páginas, em sua edição de 2018 cada palavra traz sua tradução e contextualização de uso, quando isso se faz necessário, para que o usuário não corra o risco de usar palavras em contextos inadequados.

Além disso, também apresenta uma lista de falsos cognatos, uma relação dos países do mundo com seus relativos adjetivos pátrios e tabelas de conversões de medidas e verbos irregulares. São cerca de 30.000 verbetes, com entradas que facilitam a consulta.

Apresenta expressões idiomáticas e locuções.

Dicionário ‎inglês-português FTD capa dura

São mais de 54 mil verbetes que abrangem o vocabulário avançado de Inglês acompanhados de fotos e ilustrações que ampliam algumas explicações.

O grande diferencial é a apresentação das flexões dos substantivos, verbos e adjetivos no próprio verbete, seguidas de suas transcrições fonéticas, o que elimina a necessidade de consultar outros materiais.

Você encontra também a flexão dos plurais dos substantivos e muito mais!

Dicionário inglês-português Martins Fontes

Vai do básico ao avançado, com 9000 palavras, expressões e sentenças de exemplos, divididas por temas.

Palavras escolhidas segundo a frequência e atualidade – com atenção especial ao vocabulário da internet.

Distribuição realçada por cores para os vocabulários básico e avançado, com fonética, indicações gramaticais e valiosas dicas.

Edição padrão, ano 2019.

Dicionário Universal Fundamental – Capa dura 2005

Contém os elementos fundamentais de um grande dicionário e é especialmente concebido para permitir a fácil compreensão da língua inglesa.

Contendo 75760 vocábulos selecionados para o uso diário, 105587 traduções claras e precisas, 12512 locuções e expressões idiomáticas além de diversas palavras de uso comum.

Confeccionado em capa dura, ele é indicado para crianças a partir de 10 anos de idade.

Uma das primeiras estratégias para aprender uma nova língua é se apropriar do seu vocabulário, o que pode acontecer através de filmes, séries e músicas, que já fazem parte do nosso cotidiano, mas também não dispensam o bom e velho dicionário, na mochila, na pasta ou no bolso.

O celular e as ferramentas de tecnologias de tradução simultânea estão ao alcance da mão e cada vez mais eficientes – Nas traduções online tem até recurso de áudio para você ouvir a pronúncia correta. Mas o dicionário inglês-português ainda é o “cringe” preferido da galera!

Aproveite os cupons de desconto para levar o seu futuro “best friend” para casa!

Há dicionários nas versões capa dura, capa comum, kindle. Focados em vocabulários de áreas específicas (como saúde e direito), expressões da internet, PDFs, ou aqueles para aprender o português, a partir do inglês – você é quem decide!

Dicionário inglês-português e os estudos para o ENEM

O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) foi instituído em 1998 e é uma das principais portas de entrada do Brasil para suas instituições de ensino superior públicas ou privadas. A edição desse ano já vai acontecer, e estudos e aulões de revisão eclodem no país.

A prova de linguagens acontece geralmente junto a da área de ciências humanas e incluem o caderno de espanhol ou inglês. Embora não seja permitido nenhum tipo de consulta, um bom dicionário inglês-português é uma boa ferramenta de estudo preparatório.

Definitivamente, essa é a hora de investir no produto, mas a utilidade dele está muito a longo prazo. Ajuda em interpretação de textos, compreensão de diálogos e consignas com maior dinamismo e facilidade.

Outras formas de contato com o idioma

Assim como acontece no Brasil, mesmo que se trate essencialmente de um mesmo idioma, dependendo da região de um país ou de que país você esteja, o idioma muda um tanto, graças à cultura e a linguagem local.

Estados Unidos da América do Norte, Inglaterra, Canadá, subúrbio, metrópole, gírias, sotaques e expressões características, tudo muda! Por isso mesmo, outra forma de entrar em contato efetivo com o idioma, é através do intercâmbio.

O intercâmbio tem a ver com trocas variadas, de comerciais até culturais. Para a maioria das pessoas, fazer intercâmbio geralmente tem a ver com passar um período fora do país de origem ou residência, conhecendo outro lugar com objetivos profissionais, acadêmicos ou pessoais.

É uma experiência que possibilita a troca de conhecimentos e experiências, tanto por parte dos nativos quanto do intercambista, com tempo determinado.

Para o curso de inglês presencial ou online leve seu dicionário!

O curso de inglês é a saída a que se recorre para a melhora pessoal ou profissional. Seja no contra-turno do estudo regular ou do trabalho, ou na modalidade online, que, aliás, dá a possibilidade de flexibilizar um pouco mais o percurso de aprendizagem, e ganhou muito mais adeptos a partir da pandemia, quando a modalidade predominou.

Alguns educadores ingressaram também no YouTube com canais diversos e conteúdos gratuitos na plataforma e também em perfis de rede social sobre a língua inglesa e os costumes, a cultura dos países falantes.

O dicionário inglês-português te livra de apuros!

Se você é iniciante, certamente já caiu alguma vez nessa armadilha – já ouviu falar em falso cognato?

São palavras com grafias semelhantes, mas que possuem significados completamente diferentes. Um exemplo simples é esse:

“Actually” parece muito com atual e o ‘ly’ se associa muito ao ‘mente’. Então o pessoal faz a associação da palavra com “atualmente”.

Mas, não! “Actually” significa “de fato” (‘Atualmente’ é “nowadays”). Justamente porque também existem palavras de grafia semelhante e que possuem o mesmo significado, isso costuma causar mal-entendidos, sanados com o “amigo dicionário”. Viu, só?!

As pegadinhas são inúmeras.

Outro recado importante: Não às traduções ao pé da letra!

Simplesmente traduzir uma língua não é a melhor opção. A tradução literal leva a equívocos e apaga essa parte tão importante, que é a cultura. Além disso, uma única palavra pode ter diversos significados.

Na comunicação do dia-a-dia, normalmente, o que importa mesmo é a mensagem – o conteúdo do que se está dizendo. Por isso, é importante que você aprenda a se comunicar e, principalmente, a automatizar o processo de “pensar em inglês”.

Já no caso de produções culturais, como dublagem de filmes e séries, por exemplo, hoje não se fala mais em tradução, mas sim em localização (ou versão), que seria um processo de tornar um produto adaptado para o local em que será comercializado.

Também é o caso de letras (e rimas, melodias) musicais, e de palavras sem correspondentes equivalentes, como “saudade”. Algumas palavras ainda podem ainda sofrer adaptações, como xampu (shampoo) ou coquetel (cocktail), quando incorporadas à língua.

Algumas palavras em inglês adotadas pelos brasileiros

Temos forte influência de outros países na formação de nossa cultura, por isso existem muitas palavras do inglês que acabamos incorporando no nosso vocabulário. Aqui está uma amostra:

  • Notebook;
  • Home office;
  • Business;
  • Baby doll;
  • Botox;
  • Backup;
  • Bike;
  • Delivery;
  • Outdoor;
  • Cringe, etc.

Viram quantos exemplos? Outra curiosidade é que algumas palavras em inglês dizem das suas características, e eu posso explicar: “airplane” = planar no ar (avião), “badroom” = ‘sala com cama’ (quarto), “Schoolbag” = ‘saco da escola’ (mochila), Sunday = ‘dia do Sol’ (domingo), “grandmother/father” = ‘grande mãe/pai (avó/avô) e por aí vai!

Básico, intermediário ou avançado?

Antes de começar um curso de inglês ou de qualquer idioma, geralmente o aprendente passa pela chamada “prova de nivelamento”: um tipo de avaliação – que varia em modalidade – para testar o seu nível de conhecimento prévio da língua e o que precisa melhorar ou aprender, para que faça parte de uma turma equivalente (de nível básico, médio ou avançado).

Isso é muito importante, já que além das escolas, é possível ganhar familiaridade com o idioma e “aprender inglês sozinho”, com conteúdos e interações na web.

Há dicionários mais simples – apenas com traduções -, há outros com curiosidades, expressões inteiras, aplicações dos termos em frases: tudo depende da sua necessidade.

Países de língua inglesa, turismo e mais!

Além de poder usar a fluência no idioma para “aplicar” e estudar fora em algumas das universidades mais respeitadas do mundo, não deixamos de falar sobre as viagens para os destinos turísticos do sonhos – aqueles mais famosos: Orlando (Fórida, EUA) e Londres (Inglaterra) por exemplo, recebem milhares de brasileiros todo ano.

Saber o que pedir no restaurante, como se comunicar no hotel ou na hora de fazer compras, é fundamental. Com guias e em excursões isso fica mais fácil, mas nem sempre é assim.

Aprender outro idioma desde cedo!

Seja numa escola bilíngue, com professor particular ou entre os familiares, quanto mais cedo alguém tem contato com outro idioma, melhor e mais fácil será aprendê-lo. Isso porque além de ainda não haver tão estabelecida a censura e a vergonha, o cérebro de uma criança está naturalmente inclinado a aprender e reter informações.

Além disso, o “aparelho fonador” da criança também ainda está sendo formado, o que facilita a construção de uma pronúncia mais correta, acionando determinados músculos e estruturas.

Ler historinhas e cantar para a criança em inglês também pode favorecer a assimilação e a curiosidade dela pela nova língua.

Últimas palavras!

Para quem está começando, além do dicionário inglês-português, vale investir nos livros de inglês para iniciantes, com uma abordagem mais aprofundada que um simples dicionário. E se quiser montar o kit completo, dá uma olhada nos dicionários de português e de espanhol também. Por que não?!

Falando em viagem internacional, algumas precauções são importantes. Já pensaram em seguro de viagem para os EUA? Pois é! Num país tão distante culturalmente do nosso, é importante se preparar para o que pode sair do previsto!

Se você tem dúvidas, a gente te explica o que é e como funciona a cobertura de um seguro de viagem e também, como economizar uma grana para curtir sem se preocupar.

E aí? Curtiu as dicas? Agora é com você!

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.