Quais Os Melhores Adoçantes Culinários? Confira o TOP 5

58

Os adoçantes culinários são ótimos substitutos do açúcar. Eles podem ser utilizados em receitas de bolos, pães, tortas e doces que são assados ou cozidos. Isso porque esses tipos de produtos são próprios para irem ao fogão e forno, sem alterar sua fórmula.

Além disso, a textura dos adoçantes culinários é em pó e na mesma proporção, o que facilita bastante o cálculo das medidas da receita em colheres ou xícaras. Então, confira a seguir os melhores adoçantes culinários do mercado!

Top 5 Melhores adoçantes culinários

De modo geral, o adoçante culinário tem a mesma função do adoçante comum, ele substitui o açúcar e pode ser adicionado a diversos alimentos e bebidas. A diferença é que o adoçante culinário não perde estabilidade ao ser exposto a altas temperaturas, o que é ótimo para preparar receitas, pois ele mantém o sabor e a textura.

Adoçante Culinário Stevita

O Adoçante Culinário Stevita é mais um produto de qualidade sem glúten e sem lactose. É indicado para diabéticos e pessoas que possuem intolerâncias alimentares, como os celíacos.

Vem 400 gramas de adoçante, sendo que uma colher de sopa (40 kcal) substitui uma colher de sopa de açúcar (100 kcal). Logo tem 60% menos calorias que o açúcar tradicional.

Pode ser levado no forno e fogão, para preparar refeições. E contém maltodextrina de mandioca, antiumectante dióxido de silício e edulcorante natural glicosídeos de esteviol em sua composição.

Adoçante Culinário Natural Xilitol DaColônia

Outra boa opção é o Adoçante Culinário Natural Xilitol DaColônia que vem em sachês de 200 gramas.

É um adoçante natural, com alto poder de dulçor, é vegano, com baixo índice glicêmico e não cariogênico (não contribui para formação de cáries).

É ideal para adoçar bebidas, utilização na culinária e receitas em geral, na substituição do açúcar. Ele é composto por xilitol e não contém glúten. Uma colher do produto tem 8 calorias. E sua indicação de uso é de até 20 g por dia.

Adoçante Culinário Sucralose Linea

O Adoçante Culinário Sucralose Linea é ótima escolha de compra. Ele é de uma marca de referência, a Linea, e vem em sachês de 400 gramas.

Ele substitui o açúcar em receitas, dando mais sabor e menos calorias. Rende mais que açúcar, não tem sódio e nem glúten. Seus ingredientes basicamente é maltodextrina e edulcorantes: sucralose e acesulfame de potássio.

Sua textura é aerada, composta por flocos pequenos e muito leves. E ele mantém seu poder adoçante em altas temperaturas.

Adoçante Culinário Lowçucar Pote

O Adoçante Culinário Lowçucar Pote é um dos adoçantes culinários mais procurados atualmente.

Uma de suas vantagens é que ele é sem glúten, vem em um pote de 400 gramas e é sem açúcar. Isso porque ele é adocicado com stevia. Ele também contém amido de milho, maltodextrina de mandioca, entre outros ingredientes.

Esse produto pode ser usado no forno e no fogão, para fazer receitas, pois ele mantém o sabor, textura e o volume dos alimentos. Fora que a marca Lowçucar é referência em adoçantes.

Adoçante Culinário Frutose Lowçucar

Por fim, selecionamos o Adoçante Culinário Frutose Lowçucar de 200 gramas, como uma opção de adoçante culinário adoçado com frutose.

Ele pode ser utilizado em receitas variadas, como caldas de frutas, caldas de caramelo, pudins e outros doces, pois forma um delicioso caramelo assim como o açúcar. Pode ser usado, então, no forno e no fogão.

Tem baixo índice glicêmico e é duas vezes mais doce que o açúcar. Então, duas colheres de sopa do produto equivale a uma colher de sopa de açúcar.

Como escolher o melhor adoçante culinário para comprar

Existe uma boa variedade de adoçantes culinários disponíveis no mercado hoje em dia. Mas como escolher qual o melhor para comprar? Separamos algumas dicas!

Em primeiro lugar, opte por adoçantes culinários naturais. Apesar de alguns tipos serem mais calóricos do que os artificias, os adoçantes naturais são mais nutritivos. Isso porque a maioria desses possui cálcio e ferro em sua composição.

Alguns substitutos naturais do açúcar são: stevia (sabor residual amargo, e por isso é misturado a outros adoçantes); frutose (extraída do mel e de diversas frutas, cereais e vegetais. Eleva a glicose do sangue); eritritol (menos calórico que o açúcar); xilitol (extraído principalmente do milho). 

Prefira adoçantes culinários veganos, pois eles costumam ter formulações mais naturais e são livres de ingredientes de origem animal, além de não serem testados em animais.

Porém, vale mencionar que, de modo geral, os adoçantes artificiais podem ser consumidos, desde que, para diabéticos, tenha indicação médica.

Alguns exemplos de adoçantes artificiais para uso culinário são: sucralose (produzido a partir do açúcar comum, não possui calorias e não eleva a glicemia); ciclamato de sódio (tem alta concentração de sódio e não é indicado para hipertensos); sacarina (sintetizado de um derivado do petróleo e tem sabor residual amargo em concentrações maiores).

Se você é diabético, então, os adoçantes culinários recomendados são aqueles que não possuem calorias, mas devem ser determinados por um médico.

O valor calórico pode ir de 0 a 40 kcal por porção de 1 colher de sopa de adoçante. E os carboidratos podem variar de 1 g a 11 g por porção.

Observe também a quantidade de sódio no produto, que pode ser de 0 a 25 mg em 1 colher de sopa, dependendo da composição.

Além disso, verifique se o produto vem com a presença de alergênicos. Por lei, essa informação necessita estar em destaque na embalagem.

Veja também a quantidade que vem de adoçante, para estabelecer o custo-benefício. Atualmente, é comercializado embalagens maiores, de 1 kg ou mais, mas também é vendido adoçantes culinários em porções menores, como sachês, potes ou pacotes.

Para usar em receitas, você pode colocar o adoçante em açucareiros, para facilitar o seu dia a dia e conservar melhor o produto. Ele pode ser um açucareiro de vidro, de acrílico, ou de plástico.

Ademais, analise o valor do adoçante culinário. Hoje em dia, os preços desse tipo de produto são muito variados. Vale ainda ficar de olho se o site que você vai comprar é confiável e seguro, para não cair em golpes ou fraudes.

Você também pode se interessar por:

As pessoas também perguntam

Adoçantes culinários emagrecem?

Os adoçantes culinários não emagrecem e não possuem substâncias que auxiliam isso. No entanto, eles são produtos que não contém calorias ou possuem um baixo nível calórico. Então, eles podem ajudar em uma dieta, com base no déficit calórico, que é ingerir menos calorias do que gasta diariamente.

Portanto, substituir o açúcar por adoçantes em receitas e nas refeições pode colaborar para uma menor ingestão de calorias e favorecer o processo de emagrecimento.

É melhor usar adoçantes culinários nas receitas do que açúcar?

Tanto o açúcar quanto adoçantes culinários devem ser evitados em grandes quantidades e a depender da condição de saúde de quem consome. Os diabéticos, por exemplo, possuem uma dieta restrita e devem evitar alimentos adocicados.

No entanto, a depender da indicação médica, alguns adoçantes podem ser recomendados, pois esses produtos podem não elevar o nível de glicose no sangue.

Já pessoas sem restrições dietéticas podem optar pelo adoçante na busca de substituir o açúcar em refeições, por prevenção ao aparecimento de doenças, como diabetes, câncer, entre outras, ou também que procuram reduzir as calorias.

Logo, a depender do caso, pode ser uma boa alternativa usar adoçantes culinários nas receitas do que açúcar.

Qual é o adoçante culinário indicado para diabéticos?

O indicado é que pessoas com diabetes consulte um médico antes de consumir qualquer adoçante. Geralmente, o recomendado é que esses tipos de pacientes consumam adoçantes culinários com restrição de sacarose, frutose ou glicose.

É mais aconselhável o uso de adoçantes culinários naturais para diabéticos, como aqueles que contém xilitol, eritritol ou stevia, por exemplo. Os adoçantes naturais são extraídos da natureza, como o nome diz, e os artificiais são criados em laboratório.

Já os adoçantes nutritivos são mais calóricos e fornecem energia a partir de carboidratos, o que muitas vezes podem ser restritos aos diabéticos, pois esses tipos de adoçantes podem elevar o nível de glicose no sangue.

No caso de pessoas com diabetes, o consumo de carboidratos deve ser planejado, portanto, os adoçantes culinários não calóricos tendem a ser mais indicados.

Porém, é essencial ter uma orientação nutricional para determinar quais tipos de adoçantes culinários são os mais indicados para cada indivíduo.

Considerações finais

Enfim, aqui nesse artigo você conferiu nossas principais dicas sobre adoçantes culinários, indicando os melhores para compra, para você fazer maravilhosas receitas.

Se você gosta de cozinhar, não deixe de ter na sua casa equipamentos que facilitam o preparo das refeições, como termômetros culinários, maçaricos culinários, mixers, batedeiras planetárias, jogos de panelas, formas de silicone, assadeiras, etc.

Esperamos que essa análise dos melhores adoçantes culinários te ajude a fazer boas compras!

você pode gostar também
Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Tudo bem! Mais detalhes