O Melhor guia informativo sobre compras na internet.

O Pioneer DJ PLX-1000 é Um Bom Toca-Discos?

Pioneer DJ PLX-1000 é o principal toca-discos de acionamento direto da Pioneer DJ. Com um design bastante elegante, destina-se a DJs que adoram fazer scratch com o vinil. Pesado e estável, foi projetado para uso em clubes e shows. 

Este é um modelo avançado, e frequentemente comparado ao Technics SL-1200 , embora isso seja esperado, pois compartilha de diversas características similares. Leia até o fim e saiba tudo sobre esse modelo!

Design e Construção

Imagem com Pioneer DJ PLX-1000 visto de cima
Foto: Pioneer DJ PLX-1000 visto de cima

Uma das primeiras coisas que chamam atenção sobre o Pioneer DJ PLX-1000 é seu tamanho imponente! Com 453 mm de largura e 353 mm de profundidade, é ligeiramente maior do que o tamanho padrão. Ele também pesa 14,6 kg, o que é bastante pesado para um dispositivo deste tipo.

Há duas razões para isso. Primeiramente, a Pioneer DJ tentou manter as vibrações do motor reduzidas ao mínimo, já que elas são mais predominantes em um toca-discos de acionamento direto. Devido ao seu peso, o PLX-1000 se fixa melhor ao seu suporte, que amortece as vibrações. Em segundo lugar, como esse toca-discos é destinado ao scratch, o usuário não vai querer ter um equipamento instável quando estiver manuseando o vinil. O PLX-1000 é, em última análise, bastante estável, e se adapta muito bem às exigências dos DJs.

Esteticamente, ele é um grande sucesso. Elegante, minimalista, com um acabamento em metal preto escovado, este toca-discos impressiona muito. As luzes led azuis dão um toque moderno ao aparelho, mas falaremos disso depois!

O PLX-1000 é muito semelhante ao famoso Technics SL-1200. A posição dos botões, o formato do braço, estamos diante de um design bastante próximo do padrão, a Pioneer foi inteligente ao desenvolver um dispositivo de fácil utilização.

O braço em formato de S é isolado por uma borracha, o que ajuda a reduzir os efeitos do som estridente durante a reprodução. O contrapeso na parte traseira do braço pode ser regulado, e a altura também pode ser ajustada de 0 a 6mm. É importante ressaltar que a Pioneer DJ fez um grande esforço para evitar que as vibrações afetassem o som.

O controle do braço é manual aqui, o dispositivo não conta com essa função automática. É preciso colocar a agulha manualmente sobre o vinil. O que não será um incomodo para os Djs acostumados a manusear e ajustar os toca-discos.

O botão Start/Stop do PLX-1000 é redondo e retroiluminado em azul, o que agrega à estética do aparelho. O botão liga/desliga também possui iluminação LED do mesmo azul, que se reflete na bandeja. É muito útil para se orientar quando se trabalha no escuro.

O prato PLX-1000 também tem um bom acabamento. Preto como o restante do aparelho, possui pequenas placas refletoras na borda que refletirão a luz do botão liga/desliga, muito útil para fornecer feedback sobre a velocidade de rotação do prato.

A Pioneer se destaca por ter implementado um notável sistema de monitoração da velocidade do prato nesta unidade e, de fato, o fez. É possível ajustar a velocidade até +/- 50%, o que na prática não é realmente útil. Há também uma pequena falha, que pode incomodar os DJs: o controle de pitch tem uma ligeira latência. Esse é um problema que já foi notado por vários usuários, e é lamentável em um dispositivo tão bem acabado.

Conexões

Imagem com Pioneer DJ PLX-1000 de lado
Foto: Pioneer DJ PLX-1000 de lado

Uma vantagem considerável do PLX-1000 é a forma como as conexões são estabelecidas. Há uma saída padrão RCA banhada a ouro, o que não é nada fora do comum em modelos desse nível. Mas o que é particularmente vantajoso sobre este modelo é que os cabos não são fixos no equipamento. Portanto, se os cabos (incluídos) apresentarem algum defeito, é possível substituí-los por outros cabos RCA sem a necessidade de abrir o aparelho para fazer a troca. Isto é muito útil. O cabo de alimentação também pode ser substituído.

O sinal é exclusivamente analógico, não há pré-amplificador de linha disponível nesta unidade, ele é distribuído diretamente do braço para a saída RCA.

Desempenho

O PLX-1000 é muito estável e confiável, com construção e componentes de qualidade. A qualidade de construção parece ser capaz de resistir a muitas apresentações de DJs, pois o braço é robusto e todos os conectores e controles são sólidos. Mesmo quando se liga e desliga, a velocidade se mantém constante. O torque do motor é realmente forte!

A Pioneer exalta seus botões Start/Stop totalmente silenciosos. Isto se traduz em um desempenho mais suave e agradável. O layout é muito clássico e os DJs da velha guarda não terão problemas para acostumarem ao o PLX-1000.

A qualidade do som também está no ponto. Não há chiados ou ruídos, o que é claramente o sinal de um equipamento de ponta.

Diferenciais do Pioneer DJ PLX-1000

Como já vimos, este é um dispositivo muito estável devido ao seu peso. O chassi é feito de zinco fundido, reforçado com resina de 8mm de espessura e material antivibração de 9mm para absorver ao máximo qualquer distorção possível. Está claro que o PLX-1000 é projetado para durar, e o robusto chassi não é uma exceção à regra.

O Pioneer DJ PLX-1000 Vale a Pena?

Imagem com Pioneer DJ PLX-1000 em fundo cinza
Foto: Pioneer DJ PLX-1000 em fundo cinza

O PLX-1000 é, em geral, um toca-discos excelente, com seu impressionante torque do motor e grande estabilidade . O cuidado da Pioneer em reduzir ao máximo as vibrações é um destaque para esse modelo. A sua estética moderna e sofisticada também é um diferencial.

O controle de pitch, porém, deixa a desejar, a leve latência do fader pode atrapalhar aqueles que pensam em utilizar esse equipamento para mixar ou atuar como DJs. O alto torque do motor também pode ser confuso no começo, mas seu domínio vem com a prática.

Ainda assim, este toca-discos continua sendo um produto de ponta, e um sucesso para entre aqueles que optaram por ele. É muito estável, por isso é perfeito para o scratch, e pode ser idealmente emparelhado com outros toca-discos projetados para o scratching.

Prós do Pioneer DJ PLX-1000

  1. Alto torque do motor
  2. Iluminação LED azul
  3. Ausência de chiados e ruídos
  4. Cabos RCA intercambiáveis

Contras do Pioneer DJ PLX-1000

  1. Ligeira latência no controle de pitch
  2. Tampa destacada do suporte

Vídeo-review do Pioneer DJ PLX-1000

As pessoas também perguntam

A que tipo de usuário se destina o PLX-1000?

Este toca-discos é ideal para DJs que desejam mixar e aperfeiçoar o seu scratch. Ele foi projetado para ter uma vida útil longa e suportar um grande número de usos. No entanto, ele também se sairá perfeitamente bem para a simples escuta de vinil, ou mesmo uma mixagem sem scratch, devido à sua total ausência de ruído.

O Pioneer DJ PLX-1000 tem pré-amplificador?

Não, este modelo não conta com um pré-amplificador incorporado, sendo necessária utilização de um amplificador externo.

No PLX-1000, o braço volta automaticamente ao suporte ao final da reprodução?

Não, nos toca-discos DJ o braço não volta no final da reprodução, apenas modelos automáticos oferecem esta função.

Considerações Finais

O PLX-1000 é um toca-discos topo de linha que oferece grande estabilidade e excelente qualidade de som. Ele se adequa muito bem aos DJs adeptos ao scratch e aos audiófilos mais exigentes.
Portanto, se você está em busca de um toca-discos ideal para Djs, o PLX-1000 definitivamente é um modelo para se ter no topo da sua lista.
Até mais, Cupomzeiros!

Clique para avaliar
[Total: 0 Nota: 0]
você pode gostar também
Comentários
>