As Melhores Notícias Sobre Tecnologia, Games e Muito Mais

House of Cards: Elenco Trailer e Curiosidades

Lançada pela Netflix em 2013, House of Cards possui 6 temporadas ao todo e foi produzida por David Fincher. Escrita pelo revolucionário Beau Willimon, a série acabou revolucionando a TV americana, proporcionando uma visão da política completamente nova.

A série pertence ao gênero de suspense e drama, e é muito irreverente conforme vai conseguindo envolver os espectadores episódio por episódio. Foi a primeira a ser totalmente produzida pela Netflix originalmente, que recebeu várias indicações ao Emmy. É uma das séries mais aclamadas pela crítica e pelos assinantes do streaming. Para saber mais sobre House of Cards, incluindo algumas curiosidades, continue lendo.

House of Cards – Trailer

A produção da série lançada em 2013 possui 6 temporadas e ao longo dos lançamentos vários trailers saíram para mostrar ao público o que podiam esperar dos personagens. House of Cards possui um trailer oficial de sua estreia, que mostra um pouco do que esperar da história.

Com um clima extremamente sério, mostra de forma retratada e fictícia o clima por trás das câmeras na capital americana. Veja abaixo o trailer oficial da série em seu lançamento.

Elenco House of Cards

A série conta com um time de peso que faz parte do elenco, mesmo com algumas participações especiais, os personagens principais seguem por grande parte de toda a produção. Veja:

House of Cards
Kevin Spacey
Personagem: Frank Underwood
House of Cards
Robin Wright
Personagem: Claire Underwood
House of Cards
Michael Kelly
Personagem: Doug Stamper
House of Cards
Jayne Atkinson
Personagem: Catherine Durant
House of Cards
Derek Cecil
Personagem: Seth Grayson
House of Cards
Boris McGiver
Personagem: Tom Hammerschmit
House of Cards
Kate Mara
Personagem: Zoe Barnes
House of Cards
Mahershala Ali
Personagem: Remy Danton

Resumo de House of Cards

House of Cards é uma adaptação de um romance escrito por Michael Dobbs e também o remake de uma série criada pela BBC que foi lançada nos anos 90. A série conta a história de Frank Underwood, interpretado por Kevin Spacey, que é um político responsável por liderar a bancada da Câmara dos deputados nos Estados Unidos.

O personagem é extremamente ambicioso, que deseja a todo custo conquistar os cargos mais altos dentro do congresso. Logo na primeira temporada é possível conhecer outros congressistas que vão ter suas histórias contadas. Ao longo dos primeiros episódios, a história mostra Frank que tem sede de poder e quer garantir que o candidato a presidência Garret Walker seja eleito.

O intuito do protagonista é se tornar secretário de Estado, porém seus planos vão por água abaixo quando descobre o que então presidente, tem outros planos para ele. Sendo assim, Frank começa a elaborar um novo plano para conquistar a posição que tanto deseja.

De início algumas notícias mentirosas começam a ser publicadas contra seus rivais políticos, e depois a manipulação direta, com chantagens e muitas outras coisas começam a aparecer e mostrar que o personagem não se importa de jogar sujo para conseguir o que deseja.

Nas próximas temporadas, muitos acontecimentos importantes vão acontecendo em House of Cards, diversas reviravoltas, muitas investigações e finais de episódios e temporadas surpreendentes.

Além de Frank, Claire, interpretada por Robin Wright, é uma personagem bastante importante também ao longo de toda a série, que vai crescendo e se desenvolvendo com a trama. Toda a série tem cunho político e fala bastante sobre como os bastidores da Casa Branca, a vida do presidente e das pessoas que trabalham por lá funcionam de uma certa forma.

Com o sucesso da série, ela foi se renovando ano após ano, até chegar a 6ª temporada e chegar ao fim. Ao longo dos lançamentos, em algumas temporadas a Netflix usou editoriais políticos falsos, como se fossem notícias verdadeiras da campanha política de Frank. As divulgações deram muito certo e fizeram sucesso nas redes sociais.

Durante a última temporada, House of Cards elaborou saídas impressionantes para finalizar com a história dos personagens. Tanto Frank quanto Claire tiveram suas conclusões dentro da narrativa, incluindo muitos escândalos e como em todas as demais temporadas, muitas reviravoltas.

Devido há alguns aspectos pessoais, Frank saiu da série e não finalizou o roteiro como deveria, mas a ausência do personagem ainda assim, foi importante para a conclusão da história e com isso, Claire acabou se tornando a protagonista dos atos finais.

Não se pode negar que a produção conseguiu encarar essa dificuldade com muito profissionalismo e entregou um final conciso. A ascensão da personagem Claire, mostrou o quanto a personagem era importante e foi crescendo ao longo de todas as demais temporadas.

Curiosidades sobre House of Cards

Por se tratar uma série que fala muito sobre política e assuntos mais sérios e conspiratórios, House of Cards possui diversas curiosidades que podem ser muito interessantes. Ao longo dos episódios, a produção foi feita para que os episódios se encerrassem no pico da expectativa. O que faz com que grande parte do público queira assistir um episódio atrás do outro.

Por ser uma das primeiras séries da Netflix, a própria plataforma não tinha em mente o que esperar. Com todo o sucesso e as indicações a prêmios, a série caiu no gosto do público e por isso, algumas curiosidades sobre a série podem interessar os fãs a conhecer um pouco mais sobre a história e seus bastidores, acompanhe:

  1. O escritor Beau já trabalhou com política, principalmente com Howard Dean, Charles Schumer e Hillary Clinton e por isso, entende tão bem dos bastidores e de como as coisas funcionam por trás das câmaras.
  2. Alguns políticos ficaram fãs da série também, incluindo Obama, que no dia 13 de fevereiro de 2014, pediu aos seus seguidores no Twitter para que não dessem spoiler da série. Durante essa declaração, um dos líderes da China na época também se manifestou e se declarou fã de House of Cards.
  3. As filmagens da série foram feitas em Joppa, uma cidade no estado de Marland que fica perto de Washington DC. A locação foi escolhida justamente por ser próxima a capital e ter o mesmo clima político.
  4. Michael Dobbs, responsável por criar a obra que inspirou a série, atuou como Chefe de Gabinete na década de 80, para Margared Thatcher. Entre os anos de 94 e 95 também foi presidente Adjunto de Partido.
  5. House of Cards levou os prêmios de Melhor Direção de Fotografia, Melhor Elenco em Série Dramática e Melhor Série Dramática em seu primeiro ano de estreia.
  6. Kevin Space durante a preparação para se tornar Frank Underwood, passou a acompanhar diversas reuniões de políticos congressistas. Principalmente de Kevin McCarthy.
  7. De acordo com Beau, o ator Kevin Space foi o único a escolhido para protagonizar a série. Não houve testes, apenas o convite e caso ele dissesse não, a série poderia nem ter sido produzida.
  8. A atriz que interpreta Zoe Barners, Kate Mara, tira folga sempre que seu time do coração joga no Super Bowl. Isso sempre está inserido em seu contrato de trabalho, com cláusulas específicas para liberá-la da função. Sendo assim, quando os Giants ou os Steelers estiverem jogando, Kate não trabalha.
  9. House of Cards foi bastante disputada durante sua exibição. Empresas como AMC, Showtime e HBO disputaram com a Netflix que venceu os lances e por isso, acabou terminando de produzir a série.
  10. A série foi baseada em uma outra produção dos anos 90, criada pela BBC. Na verdade se trata de uma minissérie que teve apenas 4 episódios, que também foi adaptado de um romance escrito por Michael Dobbs.
  11. Durante um ensaio fotográfico promocional para a série, Kevin Spacey teve que segurar de verdade uma bandeira em chamas. Esse trabalho acabou levando o ator a se queimar por mais de uma vez. Por causa disso, durante um episódio, criaram uma cena em que ele se queima com café, para que pudesse usar os curativos nas mãos das queimaduras com a bandeira.
  12. No Twitter, Beau Willimon revelou aos seus seguidores que demorou em torno de sete meses para elaborar cada uma das temporadas da série.
  13. A interprete de Rachel Posner, Rachel Brosnahan, deveria aparecer apenas em dois episódios, como uma participação especial. Porém, os produtores a trouxeram mais vezes por gostar da sua atuação e com isso, sua personagem acabou entrando e se tornando parte importante da história.
  14. O local onde Claire realiza uma grande festa de gala, chamado de Hotel Cotesworth, se trata na verdade de uma biblioteca.
  15. No serviço de streaming Chinês, a série alcançou nível enormes de audiência, tendo cerca de 24 milhões de pessoas que assistiram no país. Sendo uma boa parte dos espectadores, integrantes e funcionários do governo chinês.
  16. Pela saída de Kevin Spacey da série, ela precisou se encerrar na sexta temporada, mas conseguiu dar um fim aos personagens. É provável que se isso não tivesse acontecido, haveriam mais temporadas ainda e muito mais histórias para se desenrolar.
  17. Os primeiros 26 episódios de House of Cards, custaram cerca de 100 milhões de dólares. Conforme a série foi fazendo sucesso, os custos aumentaram mais ainda.

As pessoas também perguntam

Ao longo de toda a exibição de House of Cards, as pessoas levantaram muitas dúvidas sobre a série e seus bastidores. Por se tratar de uma produção que já foi premiada logo no primeiro ano de sua estreia, era provável que dúvidas sobre os faturamentos surgissem.

Com isso, as cenas que envolvem os bastidores do congresso americano levaram as pessoas ao auge da curiosidade para saber mais ainda sobre a série.

House of Cards é muito visto na Netflix?

Por se tratar de uma das séries mais populares da plataforma, House of Cards é considerada sim, uma das séries mais vistas do streaming. Com um elenco de peso, a série foi se tornando um grande sucesso temporada após temporada.

De acordo com informações da própria Netflix, a série realmente foi um sucesso ao longo de toda a sua exibição. Com tantos espectadores, não seria surpresa que a série tivesse ainda mais continuidades e durasse por seis temporadas.

Quanto ganham os personagens principais de House of Cards?

A série da Netflix custou muito caro a plataforma, principalmente pelo salário do ator principal. Kavin Spacey que interpreta o papel de Frank Underwood, e é o protagonista da história, tinha como salário durante as gravações, cerca de US$ 500 mil.

Além de Kevin, Robin Wright que interpreta Claire, precisou negociar com a produção, mas exigiu que seu salário fosse igual ao de Kevin, já que também atuou como protagonista na série.

Como são poucas as séries em que existem protagonistas homem e mulher iguais, essa negociação acabou se tornando um grande paradigma, mostrando inclusive, que a atriz, aprendeu e muito, com a personagem.

Quanto arrecadou House of Cards?

Em meio a todo o sucesso da série a arrecadação em dinheiro foi bem alta. Por já começar logo na sua estreia, recebendo vários prêmios, e ter um assunto que chamou muita atenção com muitas reviravoltas, toda a elaboração da história rendeu.

Por ser uma série bem cara que só na produção das duas primeiras temporadas já custaram mais de US$ 100 milhões, era de se esperar que os rendimentos fossem ainda maiores. Por esse motivo, como os resultados foram positivos, a série continuou e se estendeu por mais 4 temporadas.

Vale a pena começar a assistir?

House of Cards é com certeza uma série de sucesso. Tem um ótimo enredos, diálogos inteligentes e intrigantes, reviravoltas e muita conspiração por trás de vários planos muito bem elaborados e muito mais. A série tem tudo isso, o que chama muita atenção do espectador.

Para quem gosta do estilo de entretenimento, é uma série de drama que entrega tudo aquilo que promete. O elenco ajuda muito a deixar os assuntos discutidos e toda a temática ainda mais realista. O que é um grande ponto positivo para uma série de fala de política.

House of Cards tem bons atores, personagens muito bem construídos, uma história que prende do começo ao fim, sem contar em toda a estrutura de produção da série. Embora ela teve e passou por alguns percalços no caminho, a crítica é bem positiva sobre a série e a sua nota de 76% no Metacritic.

Logo em sua primeira temporada, teve uma aprovação do público gigantesca, que ao votarem em sites para avaliar a série, House of Cards alcançou a nota 9.0. Mostrando que se tornou sim, uma série bastante popular e aprovada pelo público. A crítica especializada também fez diversos elogiou quanto a obra, principalmente quanto a narrativa, que é um dos pontos fortes que chama bastante atenção.

você pode gostar também
Comentários