As Melhores Notícias Sobre Tecnologia, Games e Muito Mais

7 Dicas para aumentar as vendas na Black Friday

Confira dicas imperdíveis que você pode usar para aumentar as vendas neste período de Black Friday e conseguir bater e quem sabe superar as suas metas. Além disso, veja quais são os itens que registram maior número de vendas para saber como nortear sua campanha.

Mesmo com a data marcada para o dia 25 de novembro, muitas empresas já estão com ofertas para os consumidores, principalmente em sites e e-commerces. Então, leia tudo com atenção e boas vendas.

Carrinho de compras de supermercado na cor prata diante de fundo preto com vários símbolos de porcentagem e dinheiro que remetem à descontos em promoções
Aumentar as vendas na Black Friday pode ser fácil com a estratégia correta. Imagem de freepik em Freepik

Dicas para Aumentar as vendas na Black Friday 2022

A Black Friday 2022 promete superar as vendas do ano anterior e os motivos são muitos. Um deles, é o fato da Copa do Mundo ser realizada em data excepcional, com início em novembro deste ano.

Outro ponto que pode ser útil para complementar a informação, é que o Natal também é bem próximo da data, o que pode servir como um incentivo a mais ao consumidor. Por outro lado, só em 2021 as vendas online cresceram 6% em relação à 2020, o que rendeu números superiores a R $4 bilhões.

Segundo pesquisa do site oficial da Black Friday Brasil, os eletrônicos e portáteis são os departamentos que mais recebem procuras. Além disso, os televisores devem ter uma saída alta, então investir nisso pode ser uma boa forma de aumentar as vendas.

Com base nestes dados, foi criada uma lista com sete dicas que vão te ajudar neste processo. Portanto, veja a seguir alguns pontos que merecem destaque para implantar na sua estratégia.

1. Faça uma campanha pré-venda

Pensar, elaborar e criar uma boa campanha de pré-venda pode ajudar a aumentar as vendas na Black Friday. Isso porque os consumidores já ficaram em alerta quanto aos produtos que sua empresa vai ofertar com descontos.

Desse modo, é uma boa forma de atrair olhares para seu e-commerce. No entanto, deve ser feito de forma bem pensada e usar as redes sociais pode ser uma boa maneira de divulgação.

2. Aumente seu estoque de produtos

Reforçar seu estoque é uma ótima forma de se antever ao alto número de vendas que devem surgir com a promoção. Então, trace um plano para que não faltem produtos para os seus clientes.

Uma dica extra é buscar os produtos que estão com menos saída e ver o porquê de estarem tanto tempo em estoque. Desse modo, ofertá-lo com bons descontos ou até mesmo aumentar o parcelamento destes pode ser uma forma de conseguir vendê-los.

Vale destacar que, para ser competitivo na Black Friday, a sua empresa deve entender como funciona o comportamento do seu público-alvo. Além disso, a escolha de quais produtos vão entrar em promoção é muito importante.

Dica extra

Participar da Black Friday não significa colocar em promoção todos os produtos da loja. Da mesma forma, descontos modestos não atraem o público e você deve escolher os itens que vai ofertar e ser agressivo (e criativo) na sua campanha.

3. Elabore uma jornada de compra

Uma venda é algo delicado e complexo, então pensar em todas as etapas ajuda a potencializar os seus resultados. Por isso, cada uma delas exige uma ação diferente e planejada com atenção.

Para aumentar as vendas, reforço que é ideal conhecer como seu público age, principalmente no e-commerce, onde ele não vê o produto de perto. Do mesmo modo, para cada tipo de segmento há uma estratégia diferente.

Essa dica é importante até mesmo para aumentar a chance de novas vendas no futuro para as mesmas pessoas. Logo, a experiência do consumidor deve ser a melhor possível para que você consiga fidelizar o máximo de clientes que puder.

Invista em marketing digital

Usar as redes sociais como forma de divulgar suas ofertas é uma boa dica extra também. Isso porque o Facebook e o Instagram são capazes de segmentar suas ofertas, para que as pessoas certas a vejam.

Vale destacar que uma pesquisa recente da PwC Brasil revelou que, em média, 77% das pessoas sofrem influência das redes sociais na hora de escolher algo e comprá-lo. Então, vale pensar nesta dica para aumentar as vendas.

4. Planeje sua estratégia com antecedência

Deixar o seu planejamento para a última hora pode impactar de forma negativa sua estratégia e as suas vendas, o que é ainda pior. Isso porque as grandes marcas e e-commerces já pensam em tudo muito antes e tem mais acessos.

Para evitar erros e conseguir competir com estes, é ideal traçar um plano completo de marketing para aumentar as vendas de sua empresa. Então, pelo menos 40 dias antes da data da sua promoção esteja com sua estratégia pronta para execução.

Uma boa dica é, também, divulgar seus itens e promoções para quem já compra com mais frequência em sua loja, ou quem já comprou e você tem o contato. A estratégia é eficaz porque é mais fácil vender para quem já te conhece do que para pessoas novas.

Plano B

Caso o impacto de sua campanha não seja o esperado, é muito bom pensar ainda em uma alternativa de fuga. Isso deve ajudar a não ter prejuízos, já que o investimento para uma Black Friday pode ser bem alto.

Um prejuízo financeiro passa longe do que os empresários pensam para este período. Logo, rotas de fuga são uma boa maneira de não cair nas armadilhas que você mesmo pode impor ao seu negócio.

5. Dê atenção à entrega e ao frete

É ideal pensar em formas de melhorar as condições de entrega para aumentar as vendas na sua loja ou e-commerce. Por isso, deixar todas estas informações bem claras é uma forma de evitar problemas com seus clientes ou até com coisas mais sérias.

Em uma boa estratégia para a Black Friday, deixar uma equipe pronta para sanar as dúvidas dos consumidores pode ajudar a vender mais. Do mesmo modo, jamais passe dados para o cliente que não condizem com a verdade e não prometa o que não pode cumprir.

6. Melhore a estrutura do seu site

Oferecer uma melhor experiência de navegação é também uma ótima maneira de aumentar as vendas e isso não vale apenas para a Black Friday. Com base nisso, pense em uma forma de deixar seu site mais rápido e com informações mais claras possível.

Melhore a exibição de informações que levem os clientes a entenderem que este local é único e que nele tem oportunidades incríveis de economizar. Da mesma forma, otimize tudo para que não haja problemas na horas dos consumidores concluírem as compras.

Evite reclamações

A dica acima é importante também para evitar queixas quanto à experiência de compra em seu e-commerce. Isso porque o Reclame Aqui relatou que a insatisfação dos clientes tende a ser um fator que gera muitos problemas.

É ideal também destacar que, na Black Friday de 2015, este foi o segundo maior tema de reclamações dos consumidores durante a promoção. Então, de nada adianta atrair o público e não dar condições ao mesmo de adquirir os produtos.

7. Entenda a campanha

Para aumentar suas vendas é crucial entender que a Black Friday trata-se de algo sazonal, então é uma oportunidade única no ano. Isso significa que para impactar o público você deve pensar da forma certa e criar uma campanha que fale direto com o consumidor.

Anúncios e e-mail marketing são boas formas de aquecer o público, para que eles entendam que aquela é uma chance que não vai voltar. Com isso, você deve entender que a criatividade é fundamental no processo.

Estude campanhas de sucesso

Veja o que outras marcas fizeram em outros anos e quais campanhas foram eficazes no propósito final: aumentar as vendas. Assim, adaptar os insights destas promoções vencedoras à sua realidade pode causar um bom resultado final.

A comunicação muitas vezes é um bom diferencial na hora da escolha do cliente. Portanto, seja o mais claro e direto possível e pense em formas de unir seus descontos a outras táticas que atraiam o público.

O que mais ajuda nas vendas?

Melhorar as condições de pagamento e diversificá-las é uma boa forma de aumentar as vendas na Black Friday. Por isso, se puder, dê a opção do cliente parcelar em mais vezes ou inclua programas de fidelidade, que também devem ajudar, como é o caso do cashback.

Atenção ao Código de Defesa do Consumidor

Estude bem todas as normas regulamentadoras do CDC para evitar problemas com o cliente ou punições legais. Afinal, o consumidor é peça fundamental para o sucesso do seu negócio e suas vendas.

Jamais realize práticas no sentido de ludibriar o consumidor, como aumentar os preços antes da Black Friday e dar descontos no período. Do mesmo modo, há outras situações que devem ser evitadas para não correr riscos.

Evite atrasos na entrega

Evitar atrasos é uma das formas mais eficazes de diminuir as chances de ter problemas, tanto na Black Friday como no decorrer do ano. Por isso, se a sua entrega for demorar, diga antes ao seu cliente, para que este tome a decisão de comprar ou não na sua loja.

A técnica de aumentar o estoque é boa para estes casos e para a situação do consumidor comprar algo e você não ter disponível. Isso pode gerar problemas e até punições para sua marca, já que o Código de Defesa do Consumidor possui cláusulas que protegem o cliente nesses casos.

Surpreenda positivamente

Uma boa forma de causar uma surpresa positiva no cliente é entregar tudo antes do prazo. Para isso, você deve pensar em formas de agilizar os envios para não entregar na data limite.

Vale destacar ainda que isso pode levar o consumidor a se tornar um cliente fiel de seu e-commerce. Isso porque ele sempre terá a lembrança de uma boa experiência quando mais precisou e você o atendeu da melhor forma possível.

Fonte: EcommerceBrasil.com.br

você pode gostar também
Comentários