Tudo sobre beleza no Cupomzeiros.com

Vestido Listrado: Saiba Como Usar e Arrase! (32 Fotos)

Versátil e muito funcional o vestido listrado é uma peça a qual ninguém se arrependeria de manter no guarda-roupas.

As listras são uma estampa atemporal e básica, e nunca saem da moda. Dão ao visual descontração e leveza, mesmo para as produções mais elaboradas.

É possível criar looks de vários estilos com o vestido listrado. Desde propostas mais modernas e descoladas ao combiná-lo com tênis, até as produções mais formais ao uni-lo ao blazer e salto alto.

Imagem com vestido listrado
Vestido Listrado Colorido – Imagem Pinterest @SHEINofficial

Importante saber que o vestido listrado é uma peça coringa para criar propostas de visuais práticas para eventos casuais, como ir ao cinema, e até mesmo para os mais formais. Por isso se ainda não tiver um, que tal começar a pesquisar para adquirir ao seu?

E vamos te ajudar com isso a seguir, informando como usar as listras e até contando a história delas. Por isso continue conosco.

Como usar o vestido listrado?

Listras horizontais ou verticais?

Para você pode não fazer qualquer diferença se as listras são verticais ou horizontais, mas quando a estampa ainda lutava pelo seu lugar na história da moda, o sentido das listras fazia toda a diferença.

Na transição entre a Idade Média e a Era Moderna, ao começarem a perder seu estigma, somente as listras verticais foram usadas pela aristocracia, enquanto as horizontais eram designadas aos criados, servos, presidiários e outros marginalizados.

Imagem com vestido listrado na vertical
Imagem Pinterest @ecosturas

Ainda bem que hoje em dia não temos mais essas preocupações tolas, e nos importa muito mais saber qual impressão as listras causam no resultado e estilo do look. Afinal, podemos ter algumas questões, tais quais: “Qual deve ser o padrão das listras?”; ou “Roupa listrada emagrece?”

Sabia que houve um pesquisador que trouxe uma teoria científica para a moda? Vou te contar!

No século XIX, um cientista chamado Hermann Von Helmhotz criou uma teoria chamada de “teoria da ilusão dos quadrados”, mostrando como dois quadrados de mesmo tamanho pareciam ter dimensões diferentes por conta dos sentidos de suas listras.

O quadrado com listras horizontais parecia mais alto e mais fino do que o quadrado com as listras verticais.

Quando o pesquisador Peter Thompson tomou conhecimento dessa teoria, a trouxe para o mundo da moda e comprovou que as listras horizontais alongavam e afinavam a silhueta.

Imagem com vestido listrado horizontal preto e branco
Vestido Listrado – Imagem Pinterest @stealthelook

Entretanto, se você se esbarrar atualmente com informação contrária, isso se deve ao fato de que o tamanho das listras, o formato da peça e até mesmo o tecido influenciam muito na criação dessa ilusão, o que coloca em divergência os pesquisadores e consultores da moda.

Por isso, é bom saber que as listras horizontais alongam o corpo desde que sejam finas. As listras grossas criam o efeito contrário, pois chamam a atenção para cada uma das listras ao invés de todo o contexto – e ao acompanhar o comprimento delas tem-se a sensação de um alargamento ainda maior do corpo.

Imagem com vestido listrado vertical preto e branco
Imagem Pinterest @lopescleusa53

As listras verticais, no entanto, devem-se ser quebradas pelo uso de cintos ou faixas para minimizar o efeito do alargamento causado pelo padrão “lado a lado”, pois esse padrão tende a incentivar a percepção do corpo na horizontal, ou seja, pode fazer com que o corpo pareça maior do que é.

Imagem com vestido listrado vertical preto e branco longo
Imagem Pinterest @DFPOMar

Vestido listrado: dicas de como usar

Como o vestido listrado é uma peça descontraída e casual, o verão é uma ótima estação para usar e abusar dele.

É quase impossível uma fashionista não ter ao menos uma peça listrada no armário, e, no entanto, nem todas as mulheres conseguem vestir a peça com segurança e criatividade e acabam a deixando de lado.

Mas, o dia chegou e vamos te ajudar a tirar a peça do armário e colocá-la em uso. Seguem algumas sugestões de looks para você se inspirar.

Os vestidos são maravilhosos para as estações mais quentes e o verão oferece o poder de escolher um vestido simples e sair por aí sem ter de pensar, elaborar ou planejar muito sobre o que usar.

Imagem com vestido listrado vertical azul e branco
Imagem Pinterest @SHEINofficial

Os vestidos listrados são muito versáteis, são ótimos para ocasiões mais descontraídas como um passeio na praia ou cinema, como são incríveis para compor um visual mais elegante e sério para um dia de trabalho ou uma festa.

Assim como a camisa listrada, o vestido listrado é um clássico que todas as mulheres podem usar, combinando-o com acessórios divertidos, ou usando-o com saltos e blazers para uma proposta mais requintada, e ainda pode optar por manter o visual simples e prático.

Há muitas opções e vamos te mostrar algumas. Venha conosco.

Caso deseje um visual bem simples, combine o vestido listrado com um par de tênis e uma bolsa. Fica super confortável e elegante, além de dar um ar bem despojado ao look.

Imagem com vestido listrado horizontal preto e branco midi
Vestido Listrado – Imagem Pinterest @guitamoda

O vestido listrado com um colete na cor verde exército, alguns acessórios e até uma bolsa podem deixar o look sofisticado e muito elegante.

Imagem com vestido listrado horizontal preto e branco curto
Imagem Pinterest @lidia2458

Acessórios de cor marrom como bolsas, cintos e sapatos de salto deixa o look bastante chique e você pode usá-lo com segurança, pois não há erro.

Imagem com vestido listrado horizontal preto e branco curto com manga curta
Vestido Listrado – Imagem Pinterest @emmasaunders92

Um vestido listrado e bem soltinho de mangas longas se combinado com um par de tênis pode deixar o visual bastante descontraído e jovem.

Imagem com vestido listrado horizontal preto e branco curto com manga longa
Imagem Pinterest @bdjalali

Se o vestido, no entanto tiver um comprimento que vai abaixo dos joelhos, é interessante usar como complemento um colar longo. Esse acessório deixará a composição mais atraente.

Imagem com vestido listrado horizontal preto e branco longo com manga curta
Imagem Pinterest @sueli_rodrig

O cinto colorido pode ser uma grande aposta para transformar todo o visual. Além de ajudar a marcar a cintura, deixa o look mais divertido sem perder a elegância. Inclua um par de sapatos coloridos também se quiser ficar ainda mais encantadora e arrase!

Imagem com vestido listrado colorido
Imagem Pinterest @sueli_rodrig

Se quiser passar um tempo na praia, invista no chapéu e óculos escuros para acompanhar o vestido listrado simples.

Imagem com vestido listrado azul e branco curto
Imagem Pinterest @mygalys

E nem só para a praia você pode abusar do chapéu, pode criar um look super estiloso com vestido listrado, chapéu e óculos para passar uma tarde com os amigos.

Imagem com vestido listrado longo com recorte
Imagem Pinterest @flatanouss

Que tal apostar num vestido listrado longo e complementar a composição com uma jaqueta jeans, chapéu e bolsa? Pode ser uma boa pedida para os dias mais frios.

Imagem com vestido listrado preto e branco com jaqueta jeans
Imagem Pinterest @virtuosascomestilo

E mesmo se você está acima do peso, não se preocupe. É possível escolher um vestido listrado com listras mais finas e horizontais, que destaque a cintura, um cinto pode fazer bem esse papel, e pode apostar nesse look para se sentir mais segura, bonita e elegante.

Imagem com vestido listrado preto e branco com jaqueta de couro
Imagem Pinterest @torrid

E para o trabalho? Existe algo que possa te deixar com um visual mais profissional? A resposta é: Sim! Você pode optar por um blazer colorido, elegante ou sofisticado, e combiná-los com um sapato de salto. A bolsa de mão pode deixar o look ainda mais sério.

Imagem com vestido listrado preto e branco com jaqueta amarela
Imagem Pinterest @Schevashea

Para um visual mais contemporâneo e informal, você pode apostar numa jaqueta jeans no estilo “destroyed” e usar um par de botas. Ao combiná-los com o vestido listrado, você ficará incrível!

Imagem com vestido llistrado com jaqueta jeans destroyed
Imagem Pinterest @stealthelook

Vestidos listrados e coloridos também são uma opção se você não quiser ficar muito apegada ao clássico preto e branco. Combine-os com uma bolsa de mão colorida e uma rasteirinha, e poderá conquistar um look fresco e leve para a estação.

Imagem com vestido com listras desiguais coloridas
Imagem Pinterest @omundodepati

Um colete jeans e um chapéu, quando combinados com um vestido listrado, criam um look interessante para ocasiões mais informais e descontraídas.

Imagem com vestido listrado com colete jeans
Imagem Pinterest @busbeestyle

Os blazers coloridos também podem ser uma boa opção para criar um look mais formal em combinação com o vestido listrado. O salto alto e uma bolsa pode te deixar pronta para um evento formal.

Imagem com vestido listrado com blazer vermelho
Imagem Pinterest @olivacost

Vestidos listrados bem justinhos ficam ótimos com jaquetas pretas de couro. Que tal experimentar?

Imagem com vestido listrado justinho
Imagem Pinterest @guitamoda

Os vestidos listrados em azul marinho, vermelho e branco são “navy” e bem estilosos, além de clássicos, ideal para usar tanto durante o dia quanto a noite. De dia você pode usar uma bolsa clara para combinar. À noite, a bolsa escura ficará melhor. Nos pés, uma sandália complementa o visual.

Imagem com vestido listrado azul marinho e branco
Imagem Pinterest @larissanevesconsultoria

Quando a temperatura cair, aposte nos vestidos listrados de mangas longas e o combine com algum casaco de cor vibrante e uma bota preta para não perder a elegância.

Imagem com vestido listrado e bota de cano alto
Imagem Pinterest @diniz0110

E combinar o vestido listrado com outras estampas, pode? Claro que pode! Aposte um look com uma jaqueta estampada e outros acessórios e verá que ficará maravilhoso!

Imagem com vestido listrado com jaqueta de oncinha
Imagem Pinterest @garotasestupidas

Azul marinho e branco é uma combinação de cores muito versátil e elegante. Esse vestido pode ser utilizado para eventos mais formais, entretanto com um par de sandálias e um chapéu, pode compor um visual perfeito e muito elegante para o dia a dia.

Imagem com vestido listrado com botões
Imagem Pinterest @nenac23

Vestidos listrados soltinhos e coloridos são ótimos para criar composições alegres e diurnas. Uma bolsa e um sapato coloridos, combinando com o vestido, dão ainda mais charme e romantismo ao look.

Imagem com vestido listrado delicado
Imagem Pinterest @dmveste

Listras verticais são tão lindas quanto horizontais. Se o vestido for de um tecido fino e você escolher um cinto preto bem estreito, estará pronta para ocasiões mais casuais.  

Imagem com vestido listrado com tecido fino
Imagem Pinterest @meaganjadeee

Nos dias mais frios, você consegue ficar muito elegante com vestidos listrados ao combiná-lo com uma jaqueta, uma meia-calça de lã e botas que vão quase até o joelho. Uma bolsa grande e colorida é outra opção para dar ainda mais sofisticação ao look.

Imagem com vestido listrado com suéter e meia calça
Imagem Pinterest @dicasdemulher

Abuse dos chapéus para combinar com o vestido listrado, é uma construção linda que te deixa muito elegante e pronta para qualquer ocasião, além de te deixar com a cara do verão.

Imagem com vestido listrado com chapéu
Imagem Pinterest @celinesouza948

O vestido listrado vertical é, possivelmente, o modelo mais tradicional. As listras verticais alongam o visual feminino, favorecendo a silhueta. Combine com uma sandália de salto, com tiras finas, e você terá um resultado super versátil.

Imagem com vestido listrado colorido com amarração
Imagem Pinterest @guitamoda

Esqueça o papo de que a listra horizontal é proibida, o vestido listrado horizontal pode ser usado desde que tenha consciência de que elas dão a impressão de aumentar alguns quilinhos. Se isso não for um problema para você, use e abuse!

Imagem com vestido listrado com amarração
Imagem Pinterest @luvletteofficial

A história das listras na moda

Ainda que esteja presente há séculos entre nós e na história da moda, a estampa listrada nem sempre foi afamada e querida ao longo de sua história.

Na Idade Média as pessoas que as usavam não eram bem-quistas pela sociedade, como era designada aos prisioneiros, palhaços e carrascos, carregavam um forte estigma de marginalidade e serviam para identificar essas pessoas.

Isso porque a sociedade eclesiástica reprovava tudo aquilo que confundia a visão, por acreditar que suscitava a imoralidade. E as listras, especialmente as que alternavam cores vivas, como o vermelho e o amarelo, eram inaceitáveis para a igreja.

A fama de que os tecidos listrados era uma “coisa do demo” é milenar. As Sagradas Escrituras não as recomendavam, em levíticos estava escrito que “não levarás sobre ti uma veste que seja feita de dois”. Dois tons foram como alguns interpretaram.

A fama, portanto, não é antiga, é antiquíssima. Os muçulmanos sempre usaram mantos listrados e esse foi um dos motivos que levou a igreja ficar contra o uso, pois sempre foi avessa a qualquer parentesco com os hábitos orientais.

Não nos surpreende que além dos já citados presidiários, marginais e palhaços, também faziam uso dessa estampa nessa época os judeus, o que acentua o preconceito da Igreja. Assim como Caim, Judas, Dalila e Salomé também haviam feito das listras um involuntário emblema de sua desonra.

Que bom que os tempos mudaram, não é mesmo? As listras são tão elegantes e charmosas, que é uma bobeira se apegar nessas ideias obsoletas.

E por isso que na época medieval essas roupas eram designadas aos marginais, doentes e loucos, pois os marcavam como traidores, rebeldes, perigosos e cruéis, dos quais todos tinham de manter distância. E não à toa o traje listrado do prisioneiro povoa o imaginário popular.

Você já deve ter visto em filmes antigos e mesmo desenhos animados prisioneiros usando essas listras, não é mesmo?

Imagem com roupa de prisioneiro
Imagem Pinterest @alwayshalloween

Até o século XV, as listras tinham caráter depreciativo e serviam para designar loucos, doentes contagiosos e banidos. Depois uma ambígua reviravolta passa a associar o listrado ao servilismo e também à proteção – aparecendo em roupas de criados, protegidos dos nobres.

No século XIX, uma função higiênica e medicinal distingue os costumes listrados: roupas de banho, de crianças, pijamas – usos do vestiário que denotam assepsia, ao menos aparente.

A reputação do pano listrado só mudaria substancialmente do final do século XVIII em diante, depois de representar, na França, a vitória do bem (burguês) contra o mal (aristocrático), o triunfo da marginalidade, e, no Novo Mundo, a implantação da democracia moderna.

No início do século passado, chegaram à moda com Gerald Murphy, eleito o homem mais elegante da classe de Yale em 1912. Ele teria sido o primeiro a usar listras, nos salões aristocráticos da Riviera francesa: a camiseta tradicional dos marinheiros.

Somente a partir do século XIX com a tendência do estilo “navy” ou “náutico” que as listras começaram a ser encaradas de modo mais positivo e se tornaram o objeto de desejo na moda, ganhando um certo status ao se tornar um símbolo de sofisticação, em especial ao deixar os uniformes da marinha.

Foi em 1849 que a rainha Victoria vestiu seu filho, Albert Edward, com um terno de marinheiro, listrado. Desde então, a popularidade das listras nunca mais se deteve ao cair no gosto da aristocracia.

A França, que sempre aparece na história da moda, também não ficou de fora ao se tratar das roupas listradas. Os marinheiros franceses em meados do século XIX vestiam uma camisa azul e branca com listras que simbolizavam as vitórias de Napoleão, camisas as quais receberam o nome de “camisa bretã”.

Ainda na França, foi no ano de 1917 que a Chanel, inspirada nos marinheiros que usavam a camisa bretã, lançou uma coleção náutica que usava e abusava das listras. A coleção foi vendida em sua loja e o momento não podia ser melhor, pois os europeus começavam a descobrir os prazeres do banho de mar, inclusive por recomendação médica.

Imagem com mulheres com roupas listradas na praia
Imagem Pinterest @fabiolaferreira

No começo era muito comum que os trajes de banhos fossem brancos, entretanto como ficavam transparentes ao molhar, as roupas listradas ganharam o gosto popular pela discrição, e que convenhamos eram tão elegantes, que gera certo saudosismo aos amantes do vintage.

E Coco Chanel, que mulher, não? Sempre esteve na vanguarda da moda quebrando padrões e paradigmas. Na época do lançamento dessa coleção náutica, a moda estava repleta de corpetes e a camisa bretã era um símbolo da classe operária.

Imagem com blusa de manga longa listrada
Coco Chanel – Imagem Pinterest @claudiaonline

Outros estilistas a seguiram, como Jean Paul Gaultier e o listrado foi se tornando um queridinho, em especial no verão, pois seus elementos traduziam muito bem a estação de um modo clássico e muito, muito elegante.

Assim de roupa de presidiário e mafioso, a estampa listrada se tornou sinônimo de gente bem-informada e cosmopolita, ganhou um significado positivo de liberdade.

Alguns admitem que dependendo do tipo físico, certas roupas listradas são proibitivas. Isso se deve ao fato de que se acredita que as pessoas obesas não devem usar as roupas listradas na horizontal, como as magras devem evitar a todo custo as listras verticais.

Imagem com vestido listrado curto rodado
Imagem Pinterest @adeidesg

Entretanto, demos algumas dicas de como driblar esse problema com as listras, e é você quem deve se sentir bem com seu look e visual, então mesmo com essas proibições, experimente e veja se se sente bem e bonita.

O que importa é se sentir bem consigo mesmo! Se ao se olhar no espelho e se sentir linda, para que se importar se as listras vão para os lados ou para cima?

você pode gostar também
Comentários