Apesar do esquema de nomenclatura confusa da Xiaomi, uma análise divulgada pelo Financial Express teve um resultado claro – o Redmi Note 10 Pro (Max) é o melhor smartphone da série. A variante global tem uma enorme vantagem sobre os outros modelos, na verdade, todos os outros telefones Note 10 se enquadram na opção negativa. Pelo menos isso que mostra uma matéria do site Financial Express.

Há um mínimo de interesse no Redmi Note 10 5G, mas não o suficiente para limpar a barra “nenhuma das opções acima”. À medida que a implantação de redes de próxima geração continua em todo o mundo, a demanda por telefones 5G acessíveis deve aumentar. Então, o Note 10 5G não sairá balançando, mas pode encontrar um público mais tarde.

As versões global e indiana do vanilla Redmi Note 10 são idênticas e recebem uma quantidade idêntica de amor – ou seja, quase nenhuma. O único modelo com pior desempenho nas pesquisas é o Redmi Note 10S, que está estranhamente posicionado entre o Note 10 e o Note 10 Pro.

Talvez a Xiaomi devesse ter lançado o Redmi Note 10 Pro da Índia globalmente, em vez do 10S. É semelhante ao global 10 Pro, exceto que a câmera principal de 108 MP foi trocada por uma unidade de 64 MP. E recebe um desconto de 15%, o que provou ser o ponto ideal para 1 em cada 3 eleitores da Índia.

Algumas especificações do Redmi Note 10 Pro

O Note 10 Pro Max vem com um primeiro segmento ‘display Super AMOLED de 120 Hz’, mantendo o tamanho da tela – 6,67 polegadas – e resolução – FHD + – iguais aos do ano passado. Esta foi provavelmente uma das maiores surpresas que pegou quase todos desprevenidos no dia do lançamento.

Por fim, é importante observar como as vantagens deste aparelho se comparam à série K40 premium. Eles têm telas e câmeras semelhantes, mas embalam chipsets Snapdragon série 800 mais rápidos. O K40s deve estar disponível globalmente em breve (provavelmente com um nome diferente)