As Melhores Notícias Sobre Tecnologia, Games e Muito Mais

Amybeth McNulty: Biografia

0209511 Amybeth McNulty: Biografia

Amybeth McNulty é uma atriz irlandesa de cinema e televisão. Ela é famosa por sua personagem protagonista, Anne Shirley no drama da CBC/Netflix Anne com um E de 2017 a 2019. Ela também fez parte da 4 temporada de Stranger Things, tendo recebido indicações para o Canadian Screen Prêmios e para a premiação ACTRA Toronto por seu excelente desempenho em Anne com um E.

Amybeth McNulty nasceu em 7 de novembro de 2001 em Letterkenny, Donegal, Irlanda. Seu pai é irlandês e sua mãe, Siobhan, é canadense. Apesar de jovem, a atriz já é vista como uma das melhores da atualidade e uma promessa de se tornar uma estrela ainda maior no mundo dos cinemas e TV no futuro.

Fatos rápidos sobre Amybeth McNulty

Nome: Amybeth McNulty
Signo:Escorpião
Genêro:Feminino
Nacionalidade:Canadense-Irlandesa
Famosa como:Atriz

Redes Sociais

Instagram: Amybeth McNulty – @amybethmcnulty

Twitter: Amybeth McNulty – @amybethmcnulty

Quem é Amybeth McNulty?

Amybeth McNulty ficou mundialmente conhecida por seu papel como Anne Shirley na série dramática da CBC/Netflix Anne with an E (2017–2019). 

De 2017 a 2019, ela estrelou como Anne Shirley na série dramática da CBC e Netflix Anne com um E, segundo a produção, ela foi escalada a partir de uma seleção de 1.800 garotas, graças a sua habilidade de entregar diálogos que são incrivelmente densos, dinâmicos e bonitos. 

A sua audição consistia em conversar com árvores, conversar com flores e construir tronos de gravetos. Ela foi aclamada pela crítica por sua interpretação; A mídia elogiou a “posse absoluta” da personagem Anne, bem como sua capacidade de fazer “cantos de linguagem fantasiosa”.e

As críticas positivas seguiram, e ela foi descrita como maravilhosamente exuberante e eminentemente simpática. Sua atuação lhe rendeu o Canadian Screen Award de Melhor Atriz de Televisão e o ACTRA Award de Melhor Performance – Feminino.

Em seguida, McNulty interpretou o papel principal em Maternal, a estreia na direção da atriz Megan Follows, que foi lançado no Canadá em 9 de maio de 2020. Ela também estrelou em Black Medicine (2020), no qual McNulty interpreta uma adolescente irlandesa alcoólatra e viciada em drogas. 

Então, em dezembro de 2020, ela foi escalada para a adaptação cinematográfica do diretor Michael McGowan de All My Puny Sorrows, um romance da autora canadense Miriam Toews. Em junho de 2021, ela foi escalada para a quarta temporada do drama da Netflix Stranger Things, interpretando Vickie, uma nerd de banda legal e falante.

Amybeth McNulty: Primeiros passos na atuação

Ela nasceu em Letterkenny, County Donegal, Irlanda, onde foi criada. Seu pai é irlandês e sua mãe canadense. Sua experiência no palco começou com balé e performances amadoras no An Grianan Theatre e musicais do escritor e compositor Paul Boyd. Em 2014, ela co-estrelou a série Clean Break da RTÉ One como a curiosa criança Jenny Rane. 

Em 2015, ela participou de Agatha Raisin como a versão mais jovem do personagem titular e estrelou em The Sparticle Mystery, do CBBC. Ela fez sua estréia no cinema no thriller de ficção científica Morgan, retratando a versão de 10 anos do personagem principal. O filme recebeu críticas mistas.

Depois, ela interpretou a figura principal em Maternal, o filme de estreia da atriz Megan Follows, que foi filmado no início de 2020. Ela apareceu no filme Black Medicine de 2020, no qual ela retrata um jovem irlandês alcoólatra e viciado.

Início da carreira de Amybeth McNulty: Primeiro papel e atuações

McNulty fez sua estreia na televisão como Jenny Rane na popular série de televisão Clean Break da RTE One. Em 2015, ela apareceu na série Agatha Raisin como Young Agatha no primeiro episódio. Nesse mesmo ano, ela participou de uma série chamada The Sparticle Mystery no papel de Sputnik.

De 2017 a 2019, ela interpretou a personagem Anne Shirley na série dramática da CBC e Netflix Anne com um E. O show foi baseado no romance Anne of Green Gables escrito por Lucy Maud Montgomery.

Qual foi o principal papel de Amybeth McNulty?

Não há dúvidas de que embora Stranger Things seja um sucesso mundial, o principal papel da carreira da atriz foi da personagem Anne, da série Anne com um E. Performance que como vimos anteriormente foi extremamente elogiada por toda crítica especializada.

A imaginação vívida de Anne é encantadora e sua técnica de sobrevivência, e a primeira temporada dessa adaptação foi uma história mais triste e realista, como poderíamos esperar de um dos criadores de Breaking Bad .

Walley-Beckett trouxe uma sensibilidade do século 21 para uma história ambientada na década de 1890, iluminando a “feminista acidental” dentro de Anne e refletindo sobre os efeitos da crueldade e negligência e de sua primeira infância.

Trabalhar com Walley-Beckett foi inspirador, disse a atríz, que ainda complementou falando que ela é uma mulher maravilhosa e forte e incrivelmente talentosa em sua escrita. Complementou falando que se sentiu muito honrado por ter sido capaz de adicionar uma voz ao seu material. Walley-Beckett concebeu a segunda temporada com uma sala de escritoras formada apenas mulheres.

A própria Amybeth afirmou que definitivamente, a série estava trazendo mais tópicos sobre os quais deixaram toda produção animada em abordar. Por exemplo, racismo, sexualidade, bullying em geral são tópicos pelos quais o público desperta um forte interesse, esperando ver as coisas do ponto de vista dos personagens. Ela ainda declarou estar muito feliz por a plataforma discutir pontos tão importantes da sociedade.

Vida pessoal

Amybeth McNulty está em um relacionamento e namora Louis Hynes há um tempo. Ele é um ator de Londres mais conhecido por seu papel como Klaus Baudelaire na série de televisão A Series of Unfortunate Events, no Brasil Desventuras em Série, entre 2017 e 2019. Em junho de 2020, ela se revelou bissexual.

Seu futuro está certamente na atuação, mas ela está mantendo suas opções em aberto e sendo madura sobre isso. Segundo a própria atriz, ela pode continuar atuando por um tempo. Porém, ela deseja expandir os seus conhecimento e experiências em outros trabalhos, inclusive atrás das câmeras.

Assim, podemos esperar mais da atriz na TV e quem sabe futuramente trabalhando na produção de séries e filmes. O tempo dirá os rumos da carreira da atriz e as suas escolhas.

você pode gostar também
Comentários