O Melhor guia informativo sobre compras na internet.

Top 7 – Melhores cervejeiras: Guia completo para você comprar em 2021!

O sonho de consumo de todo apaixonado por cerveja, é ter uma cervejeira em casa. Porém, antes de fazer um investimento desse, acompanhe esse artigo. Assim, você vai conhecer os melhores modelos disponíveis no mercado.

Também veja os prós e contras de cada um. Inclusive, vai ficar por dentro de todos os critérios de compra que devem ser considerados. Enfim, conheça alguns benefícios e prepare-se para ficar ainda mais aficionado por essa bebida.

E quem adora uma bebida não pode deixar de conferir também TOP 10: Os Melhores Conhaques do Mercado! Confira!

Melhores cervejeiras: 7 Opções de escolha para você!

Cervejeira Midea Flex 96 litros

Foto Repdroção: Americanas.com

Esse produto tem uma boa capacidade de armazenamento. Portanto, ela consegue guardar:

  • 105 latinhas de 350ml;
  • 62 latas de 473ml;
  • 58 garrafas do tipo long neck, de 355ml;
  • 30 garrafas de 600ml;
  • 5 barris de 5 litros.

A mercadoria da Midea Flex também possui uma boa circulação de ar. Por isso, a bebida não ficará congelada de forma alguma. Inclusive, a máquina não precisa ser descongelada. Pois, ela tem a função frost free.

Ela é bem silenciosa, uma vantagem para quem se incomoda com ruídos. Então, veja os prós e os contras desse eletrodoméstico.

Prós:

  • Boa refrigeração;
  • Design atrativo;
  • Prateleiras removíveis.

Contras:

  • Não tem na versão 220V.

Cervejeira Esmaltec Vertical

O design dessa máquina é mais básico e discreto. Mas, sua capacidade de armazenagem é excelente, superior ao modelo anterior. Pois, ela consegue guardar:

  • 108 latas de 350ml;
  • 59 long neck de 355ml;
  • 45 garrafas de 600ml;
  • 7 barris de 5 litros.

Nesse eletrodoméstico, o degelo é automático. Portanto, menos uma preocupação. Por outro lado, a divisão interna é regulável, você organiza da forma que achar melhor.

Sua temperatura também é ajustável. Dessa maneira, ela chega até -7°C. Portanto, confira os prós e os contras adiante.

Prós:

  • Ótima capacidade de armazenamento;
  • Bom custo-benefício;
  • Iluminação interna em LED, mais econômica e de qualidade.

Contras:

  • É barulhenta.

Cervejeira Consul Smartbeer

Cerveja e tecnologia em um só produto. Com efeito, essa máquina pode ser conectada ao seu smartphone. Portanto, você acompanha tudo a partir dele. Por exemplo, a temperatura pode ser controlada, sem que você precise sair do sofá.

O mais interessante: chega uma notificação no seu celular quando a bebida estiver acabando. Inclusive, você pode comprar pelo aplicativo do eletrodoméstico. Ou seja, ela é bem prática e inteligente.

Caso esqueça a porta aberta, ela também te avisa. Porém, sua capacidade de armazenamento é um pouco menor do que os modelos anteriores. Logo, confira a seguir:

  • 75 latas de 350ml;
  • 60 long neck de 355ml;
  • 37 garrafas de 600ml;
  • 18 litrões;
  • 5 barris.

Ela também degela sozinha. Portanto, é tecnologia e praticidade do início ao fim. Dessa forma, acompanhe a seguir os prós e contras.

Prós:

  • Bom espaço de armazenamento;
  • Alta tecnologia;
  • Possui 5 níveis diferentes de temperatura.

Contras:

  • Algumas pessoas podem ter dificuldade na hora de configurar o produto.

Cervejeira Electrolux 38 litros

Esse modelo é o mais compacto de todos. Principalmente, porque possui apenas cinquenta centímetros de altura. Desse modo, é ideal para quem não dispõe de muito espaço livre. Então, é natural que seu armazenamento seja menor: até 48 latas.

A prateleira de vidro dela é bipartida. Ou seja, você pode organizar do jeito que quiser. Por outro lado, a temperatura é controlada no painel da máquina, de forma digital. Assim sendo, confira mais alguns prós e contras.

Prós:

  • Devido ao seu tamanho, cabe em qualquer lugar;
  • Ótimo design, elegante e bonito;
  • É silenciosa.

Contras:

  • Não é bivolt e a versão 220V é mais difícil de achar;
  • É tão compacta que alguns usuários podem estranhar

Cervejeira Venax Blue Light

O seu design é um dos mais chamativos. Pois, a iluminação é em LED azul. Além disso, a porta é de vidro e possui um sistema desembaçador. Sem dúvida, um produto muito bonito e com ótima capacidade de armazenamento, confira a seguir:

  • 34 garrafas de 600ml;
  • 106 latinhas de 250ml;
  • 51 garrafas de 290ml;
  • 18 galões de 2 litros.

A funcionalidade frost free de degelo automático acontece a cada 12 horas. Aliás, a divisão interna é regular. Logo, você pode arrumar suas bebidas do jeito que quiser. Dessa forma, acompanhe os prós e contras.

Prós:

  • Design incrível;
  • Boa capacidade de refrigeração;
  • Degelo é automático.

Contras:

  • Não é silenciosa.

Cervejeira Electrolux 100 litros

Caso o seu consumo seja grande, provavelmente seu investimento também terá que ser. Desse modo, essa será uma ótima opção. Inclusive, a capacidade de armazenamento permite até:

  • 120 latinhas;
  • 91 garrafas de 355ml;
  • 5 barris;
  • 37 garrafas de 600ml.

A temperatura pode atingir -5°C. Além disso, ela tem a funcionalidade turbo. Ou seja, se rolar aquela festinha de última hora, tudo estará gelado em 60 minutos. Aliás, essa função mantém as bebidas no grau certo por até seis horas.

Mesmo com o abre e fecha da porta, isso não irá influenciar na temperatura. Sendo assim, conheça alguns prós e contras desse produto Electrolux.

Prós:

  • Design sofisticado;
  • Função turbo;
  • Capacidade para até 120 latinhas.

Contras:

  • Ruído é alto.

Cervejeira Consul Titanium

Mais uma vez a Consul aparece com um produto de destaque e qualidade. Bem como, espaço à vontade, pois a sua capacidade de armazenamento cabe até:

  • 75 latas de 350ml;
  • 37 garrafas de 600ml;
  • 18 litrões;
  • 5 barris;
  • 60 garrafas de 355ml.

No painel de controle, você escolhe a temperatura e tem a função de trava/destrava. Por outro lado, nesse eletrodoméstico é possível ligar a luz de LED do lado de fora. Inclusive, com a porta fechada.

Essa característica evita que você precise abri-la toda hora. Além disso, a temperatura mínima é de -4°C. Logo, é bem refrigerada. Por fim, confira seus prós e contras.

Prós:

  • Painel de controle digital;
  • Design elegante;
  • Tem 5 níveis de temperatura.

Contras:

  • Consome mais energia.

O que é e quais as vantagens de possuir esse produto?

São como geladeiras, só que para cerveja. Logo, para uma melhor qualidade e aproveitamento, esse drinque deve ser mantido em:

  • Local refrigerado;
  • Sem contato direto com a luz;
  • A temperatura deve ser mantida em torno de 10°C até 12°C.

Benefícios de ter uma cervejeira

Talvez a maior vantagem seja a refrigeração constante. Afinal, essa bebida precisa estar no ponto certo para consumo.

Esse eletrodoméstico também possui desde tamanhos maiores até os mais compactos. Portanto, se sua casa não tiver muito espaço para ela, não será um problema. Por outro lado, esse produto acaba ganhando um local próprio e exclusivo.

Não precisando mais competir por um lugar entre as carnes e verduras. Contudo, toda vantagem possui um contraponto. Sem dúvida, o que mais pesa é o valor.

O preço varia de R$1.500 a R$10.000. Aliás, é algo que costuma desanimar alguns interessados em adquirir essa mercadoria. Por isso, o custo-benefício de cada cervejeira deve ser levado em conta.

E esse tipo de geladeira serve apenas para cerveja. Pois, o vinho, por exemplo, precisa ser conservado em uma temperatura superior, entre 16ºC e 18ºC.

Outro detalhe são as prateleiras. Antes de tudo, elas precisam ser removíveis, senão você não conseguirá guardar garrafas maiores. Em resumo, confira as vantagens e desvantagens a seguir:

Prós:

  • Mantém a qualidade e temperatura da bebida;
  • Tamanhos diversificados;
  • Espaço exclusivo para cervejas.

Contras:

  • Valor do produto;
  • Guarda somente um tipo de drinque;
  • Prateleiras fixas não são uma boa opção.

Os quatro principais critérios de escolha

Antes de comprar algo, algumas avaliações devem ser feitas. Dessa forma, com esse eletrodoméstico também não é diferente. Assim, confira com atenção cada um deles.

Primeiro parâmetro de escolha: refrigeração da cervejeira

Esse é o ponto mais importante. Afinal, o objetivo aqui é que a bebida esteja na temperatura perfeita para consumo. Aliás, do contrário, apenas deixá-la na geladeira bastaria.

Alguns produtos necessitam de condições bem brandas para manter a qualidade da cerveja. Então, fique atento a isso na hora de escolher o seu. Ademais, a circulação de ar também é fundamental. Pois, é ela que evita que o drinque fique congelado.

Sistema de refrigeração termoelétrico ou compressor

Há dois tipos. Porém, o primeiro não é tão comum no Brasil. Sem dúvida, devido ao país alcançar temperaturas muito elevadas no verão. Logo, o equipamento não consegue atingir a condição interna ideal.

Esse modelo refrigerado faz menos barulho e reduz o consumo de energia. Por outro lado, a cervejeira com compressor é mais parecida com uma geladeira.

Não são tão silenciosas, mas duram mais. Por fim, acompanhe a seguir, as principais diferenças entre os dois tipos de sistemas.

Termoelétrico

  • Recomendada para climas mais frios;
  • São silenciosas;
  • Menos comum de ser encontrada;
  • O consumo de energia é menor.

Compressor

  • Indicado para climas mais quentes;
  • São mais barulhentas;
  • É mais fácil de encontrar nas lojas;
  • Tem maior durabilidade.

Segundo critério: tamanho

É importante que você decida baseado no que realmente precisa e se há alguma restrição. Por exemplo, o seu consumo é grande ou pequeno? Sem dúvida, se for o primeiro, uma cervejeira de 80 a 100 litros é ideal.

Porém, se serão poucas cervejas ou se a questão for espaço, existem opções menores. Inclusive, com menos de um metro de altura. Portanto, cabe em qualquer lugar.

Terceiro parâmetro de escolha: prateleiras

É preciso pensar nas suas necessidades, antes de se deixar levar pela empolgação. Então, você é o tipo de consumidor que prefere latinhas ou garrafas? Afinal, é isso que vai decidir como deve ser a divisão interna do seu produto.

Com latas somente, não é necessário ter prateleiras removíveis. Logo, elas podem ser fixadas e você não terá aborrecimentos. Entretanto, se sua escolha são sempre garrafas, você precisa que elas sejam ajustáveis.

Uma curiosidade é que as cervejas nunca devem ficar na horizontal e sim na vertical. A fim de garantir maior qualidade da bebida.

Quarto critério: consumo de energia

Saber essa informação é fundamental para não ser pego de surpresa no fim do mês. Principalmente, porque algumas marcas gastam mais energia do que outras. Dessa forma, cheque na descrição do produto a quantidade que é consumida.

Depois é só calcular o valor por quilowatt-hora da empresa de fornecimento da sua cidade. Enfim, confira a seguir os sete principais modelos disponíveis no mercado. Assim como, os seus prós e contras.

Afinal, qual é a melhor cervejeira?

Todos os produtos citados são de boa qualidade. Entretanto, a mais completa e que chama bastante a atenção é a Consul Smartbeer.

O seu destaque vai para as tecnologias presentes nela e o quão conectada ela é. Assim, ela controla seu estoque de bebida. Bem como, a temperatura interna do aparelho. Por outro lado, com o aplicativo, você compra suas cervejas sem sair de casa.

É só escolher uma das lojas parceiras da marca. Portanto, você comanda tudo por meio de toques no celular.

Outro diferencial é a funcionalidade Porta Aberta. Ou seja, ela te avisa quando alguém não fecha direito. Dessa forma, mesmo assim, as bebidas permanecem geladas. Inclusive, com o abre e fecha da porta.

Além de tecnológica, ela tem uma ótima capacidade de armazenamento e possui um design incrível. Logo, é um eletrodoméstico capaz de suprir as necessidades do mais exigente apreciador de cerveja.

Qual é a cervejeira com melhor custo-benefício?

A Smartbeer é considerada o produto mais completo e moderno dessa categoria. Contudo, não são todas as pessoas que podem arcar com o seu custo. Assim sendo, uma máquina de qualidade, bom desempenho e preço razoável, é a Titanium.

É também uma das mais bem avaliadas do mercado. Além disso, é garantido que você terá todas as suas necessidades atendidas. Porque a sua fabricante, Consul, é uma das marcas preferidas dos brasileiros.

Esse eletrodoméstico em especial, tem um bom tamanho e armazena até 75 latinhas de bebida. Dessa forma, esse modelo tem opção de degelo automático e conta com iluminação interna.

A cervejeira também pode ser encontrada na versão amarela e vermelha, bastante versátil e arrojada.

Sua temperatura tem cinco níveis, variando dos -4°C até os 5°C. Portanto, não é à toa que a mais comprada pelos consumidores seja a Titanium.

Confira mais sobre cervejeiras na wikipédia.

Conhecendo a história da cerveja

A história da cerveja começou há cerca de 10 mil anos atrás, quando o homem descobriu eventualmente o processo de fermentação. Após esse acontecimento, a cerveja começou a ser produzida em pequena escala.

Inicialmente, a cerveja era fabricada pelos padeiros, devido os ingredientes que eram usados para compor a mesma: leveduras e grãos de cereais.

O processo ocorria da seguinte forma, a cevada ficava de molho até germinar, depois era moída grosseiramente e moldada nos bolos. A levedura era adicionada a esses bolos, que depois eram parcialmente assados e desfeitos. Após isso, eram colocados em jarras com água e deixados para fermentar.

Os primeiros registros da fabricação da cerveja possuem aproximadamente 6 mil anos. E há evidências que teve início na região da Mesopotâmia, local onde a cevada cresce em estado selvagem.

No ano de 2100 a.C., os sumérios já consumiam uma bebida fermentada, obtida através de cereais. Os egípcios também aprenderam a fabricar cerveja e levaram a tradição para o milênio seguinte.

A cerveja da época antiga era muito diferente da nossa cerveja atual. Ela era escura, forte e muitas vezes substituía a água, porém a cevada fermentada é a mesma da nossa.

Júlio César que introduziu a cerveja entre os britânicos, onde o povo só consumia leite e licor de mel. E o Império Romano que expandiu a cerveja para todos os cantos onde ela ainda não era conhecida.

Quando a cerveja chegou a Gália (atualmente França) que ela ganhou seu nome latino. Os gauleses a chamavam de “cerevisa” ou “cervisia”, homenageando a deusa da agricultura e da fertilidade, a Ceres.

Entre os séculos VII e IX começaram a surgir artesãos cervejeiros, que trabalhavam principalmente para grandes senhores, abadias e mosteiros. Até por volta do século XI a fabricação da cerveja continuou com os conventos, onde os monges aperfeiçoaram a técnica de produção da cerveja.

O consumo da bebida aumentou bastante, e os artesãos das cidades também começaram a fabricar cerveja. As tabernas ou cervejarias eram locais de discussão de assuntos importantes, onde negócios eram fechados entre os goles de cerveja.

Só a partir do século XII que as pequenas fábricas foram criadas nas cidades europeias. E como os cervejeiros já sabiam que a água precisava ser de qualidade para a produzir uma boa cerveja, as fábricas eram construídas perto de fontes com águas melhores.

Com os avanços tecnológicos e aperfeiçoamento de novas técnicas de fabricação, a cerveja que bebemos atualmente é a junção de todas as descobertas que viabilizaram o aprimoramento dessa bebida tão popular em todo o mundo.

As pessoas também perguntam

Qual a cervejeira com menor consumo de energia?

Os modelos com refrigeração termoelétrico consomem menos energia em relação aos com compressor.

Como escolher a melhor cervejeira?

Para isso você deve avaliar alguns critérios principais, tais como, tipo de sistema de refrigeração, tamanho, prateleiras e consumo de energia. Após usar esses filtros, você vai conseguir escolher o melhor produto para seu perfil de usuário.

O que saber antes de comprar uma cervejeira?

Antes de escolher uma cervejeira você deve ter algumas coisas em mente. É essencial saber sua necessidade em relação a tamanho do produto e temperatura. Saber também onde pretende instalar, é recomendado ambientes mais arejados, observar sobre o sistema de refrigeração que o modelo oferece, além de ter uma noção de qual design prefere.

Considerações Finais

Para quem ama cerveja, ter uma cervejeira em casa se torna uma coisa muito prática. Isso porque, a pessoa vai ter sempre a mão um cerveja gelada parecida com as do bar. Apesar de terem várias opções de marcas e modelos disponíveis no mercado, destacamos acima os melhores para você.

Contudo, nós do Cupomzeiros, esperamos que esse guia de compras possa te ajudar a realizar uma excelente aquisição do seu produto. Basta escolher um produto dentre os melhores e seguir nossas dicas para efetuar uma ótima compra.

Aproveite essas dicas e depois conta tudo aqui para a gente!

Até Mais!

Clique para avaliar
[Total: 2 Nota: 5]
você pode gostar também
Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.