Tudo sobre beleza no Cupomzeiros.com

Twin set: Confira Ideias e Inspirações Dessa Peça!

O twin set é um conjunto de duas peças que são quase idênticas, tendo recebido este nome por este motivo (twin: gêmeo / set: conjunto). São muito versáteis e podem ser utilizadas nos mais diversos espaços. Confira a seguir tudo sobre este coringa do guarda-roupa e conheça diversos modelos e dicas de como e onde usá-lo!

O que é o twin set

Como o próprio nome indica, o twin set é um conjunto formado por duas peças quase idênticas que podem ser usadas juntas ou separadas.

Geralmente são feitas em tricô, sendo que a parte de baixo é um cropped, quase sempre sem mangas e mais curto, e a parte de cima sendo com mangas compridas e um pouco mais comprido.

Assim, o twin set é um conjunto de roupas que pode ser utilizado muito bem das duas formas. É uma ótima opção para lugares em que não há um inverno muito rigoroso, como o Brasil.

Dias mais frescos também podem ser ótimos momentos para utilizar o twin set, que vai proteger do frio, mas sem excesso de calor.

Além disso, o twin set também pode ser fabricado nas mais diversas cores e modelos. Existem aqueles mais curtos, sendo a peça de baixo bem mais curta do que a de cima; ou mesmo aqueles modelos mais ousados e direcionados a espaços como a praia ou uma piscina.

Existem também aqueles modelos mais elegantes e perfeitos para o ambiente de trabalho ou mesmo para um passeio.

O twin set é, portanto, uma peça versátil e democrática que fica bem em todos os tipos de corpos. É uma boa pedida para diversas ocasiões e espaços, além de poder ser combinado com os mais diversos acessórios. Saiba como realizar essas combinações e estar sempre elegante.

Onde surgiu o twin set

O twin set se popularizou durante a década de 1950, período de intensas modificações sociais e culturais, porém Coco Chanel já o tinha incluído em sua coleção na década de 1920.

Trinta anos depois, os homens retornavam para casa após o fim da II Guerra Mundial e reclamavam seus antigos empregos e sua antiga vida.

As mulheres, que em sua maioria tinham começado a trabalhar fora do ambiente do lar tinham que voltar a ficar confinadas a este espaço doméstico.

Imagem com twin set branco
pinterest.br

No entanto, não é possível retornar ao passado e a moda nos mostra isso. Ainda que houvesse esses conflitos acerca dos espaços devidos a cada pessoa, no âmbito da moda as roupas femininas começavam a se tornar mais funcionais do que haviam sido antes da guerra.

Agora, para cada peça havia uma explicação e uma razão de ser. Assim, as peças mais funcionais eram mais atrativas para o público feminino que se modificava.

As roupas, portanto, se tornavam mais condizentes com a nova realidade.

A mulher trabalhando fora, carregando o peso figurativo e literal de manter o lar em ordem para quando o conflito acabasse. Portanto, existia a ideia de impossibilidade de um retorno à situação prévia e tradicional. Assim, as roupas passavam a ser pensadas de acordo com suas funções.

Um casaquinho por cima de uma blusa mais curta, saias com bolsos, entre outros. Todas estas peças tendo sido inspiradas por períodos históricos de grande importância e narrando momentos importantes nas vidas das pessoas que viveram esses momentos.

É por este motivo que existe a História da Moda, ou seja, estudos de como a moda pode auxiliar na compreensão das complexas formas de viver em sociedade.

Como usar o twin set

O twin set é uma das peças mais versáteis que alguém pode ter no guarda-roupas e combina com todos os estilos, afinal, é uma peça que depende, em muito, dos acompanhamentos, ou seja, das demais peças do look para ser devidamente atualizada em um determinado espaço.

Imagem com twin set tradicional azul
pinterest.br

Em outras palavras, é possível montar um look mais feminino e elegante ao combinar o twin set com uma saia, sapatos scarpin e pulseiras finas e delicadas em ouro, prata ou mesmo pérolas.

Este é um visual clássico muito semelhante àquele idealizado por Coco Chanel na década de 1920.

Com a mesma peça, é possível também estar perfeita para ir a um barzinho descontraído e se divertir sem pensar em estar com uma roupa destoante.

Neste caso, basta colocar calças jeans ao invés da saia, um sapato Oxford, ou então uma sapatilha e você estará pronta para se divertir da melhor forma.

Imagem com twin set croppe bege
pinterest.br

Para passar alguns momentos em um parque tranquilo e ficar em contato com a natureza, é possível colocar uma calça jeans, tênis, o twin set e aproveitar o conforto e a beleza da peça.

Neste exercício, estamos levando em consideração um único modelo hipotético para que você consiga ver como ele é versátil, porém, existem muitas opções desta peça no mercado.

Imagem com twin set croppe branco
pinterest.br

Quais são os modelos disponíveis no mercado

Há uma grande variedade de estilos de twin set no mercado, desde os mais convencionais que é a sobreposição de uma blusinha de alça por baixo de um casaquinho, até modelos mais estruturados ou com recortes diferenciados e modernos.

Além disso, os twin set também são fabricados em tecidos diferentes, disponibilizando uma série de texturas para todos os gostos.

Os materiais mais comuns são os fios de lã com os quais são tricotados os conjuntos nas mais diversas padronagens de pontos. As peças de crochê e tricô promovem uma grande variedade desde a linha com a qual são feitas, até os tipos de pontos, a espessura do fio, entre outros.

Imagem com twin set estampado
pinterest.br

O twin set também pode ser feito em tecido na modelagem de alfaiataria. Com este modelo, os twin set são mais retos, com um caimento melhor, afinal as peças de alfaiataria possuem um cuidado maior nesse sentido, além de os tecidos serem mais nobres.

Os tecidos sintéticos também podem servir de material para os twin set, porém em períodos mais quentes do ano estes tecidos podem causar certo desconforto e impedir a transpiração natural da pele, afinal, os tecidos sintéticos são feitos com elementos plásticos.

Com quais estilos combina o twin set

Como já foi demonstrado acima, o twin set é uma peça altamente versátil e democrática. Pode ser usada nas mais diversas situações, pelas mais diversas pessoas em momentos diferentes.

Para estar sempre elegante é preciso atentar-se, sobretudo, aos componentes que ajudam a montar o look como sapatos e acessórios diversos.

Atentar-se para os espaços e para o horário do evento ajuda a escolher as melhores composições. Assim, o twin set se torna uma das melhores peças para quem deseja um armário cápsula ou um armário que seja mais simples e fácil de usar: com diversas opções em looks por meio da combinação de poucas peças.

O twin set pode ser usado pelos mais variados estilos, desde a pessoa que só veste roupas mais básicas, até aquela que gosta de estar sempre vestida em alfaiataria.

As opções são variadas e cada uma pode ser atualizada com os acessórios corretos. No outono, inverno, verão ou primavera, o twin set é uma ótima opção para todos os tipos de eventos.

Saiba qual é o seu estilo

Existem 7 estilos universais nos quais cada pessoa se adéqua. Todos temos estilos, sendo que esta não é uma exclusividade de quem conhece os jargões da moda ou que acompanha as mais novas tendências.

O estilo é algo muito mais profundo, que vem de dentro e que exterioriza as nossas escolhas de vida e gostos pessoais.

Esportivo-natural

Imagem com twin set esportivo
Fonte: Danila Guimarães – Instagram

Este estilo é mais ligado em roupas leves e confortáveis que permitem bastante movimento e agilidade. Roupas de malha, moletom, nylon, assim como tênis e plataformas são algumas das escolhas desse estilo.

Pessoas mais ligadas aos esportes são aquelas que mais se interessam por roupas que proporcionem a liberdade necessária para realização de exercícios.

O twin set pode ser fabricado com tecidos sintéticos que costumam ser usados em conjuntos para atletas. Peças em nylon são algumas das opções, sendo que o top é uma ótima escolha para compor o look junto com um casaco mais comprido.

Tradicional

Imagem com twin set tradicional
Fonte: garotatecontotudo.com.br

Este é um dos estilos mais comuns, ou seja, é um estilo “base” em que a pessoa tem preferência por roupas com cortes e modelos clássicos, com tecidos mais nobres e com caimento impecável. Geralmente, são roupas de alfaiataria.

Twin set em alfaiataria é uma opção mais elegante para quem se identifica com este modelo. Estes são mais estruturados e com um caimento melhor deixando a pessoa muito mais bonita e elegante.

Elegante

Imagem com twin set elegante
Fonte: Doce Flor – Instagram

Este estilo mantém aproximações com o estilo Tradicional, porém é mais atualizado do que aquele. Enquanto o estilo tradicional prefere peças mais clássicas, o estilo elegante prefere peças requintadas e modernas.

Criativo

Imagem com twin set criativo
Fonte: guitamoda.com

Este estilo é muito ligado à ousadia e experimentação, ou seja, é preciso estar aberto as mais diversas inspirações e estilos para incorporar de forma orgânica, estas inspirações e criar algo próprio.

Este estilo dificilmente usará roupas que todo mundo está usando, antes irá atualizar a produção com um detalhe único e nunca visto antes.

Estampas diferentes, modelos com recortes improváveis e modelagens diferentes são opções do estilo criativo.

Cores também são ótimas para diversificar o armário. Além disso, detalhes na composição assim como acessórios diferenciados podem ser ótimas escolhas para manter o guarda-roupa bonito e dinâmico.

Romântico

Imagem com twin set romântico
Fonte: dreamsatacado – Instagram

Este visual é mais delicado e representa a feminilidade mais aflorada. Detalhes mais suaves, assim como as curvas do corpo melhor demarcadas são algumas das caracteristicas desse estilo. No entanto, é importante cuidar para que esse estilo não acabe se tornando infantilizado.

Sensual

Imagem com twin set sensual
Fonte: guitamoda.com

Este estilo aposta no magnetismo, na sedução elegante, na valorização do corpo e da beleza de forma a encantar o outro. Roupas mais justas e com cores fortes são incorporadas nesse look e deixam o usuário ainda mais marcante.

Dramático-moderno

Imagem com twin set moderno
Fonte: ammuri.shop

Este é um estilo mais urbano, mais moderno e com influências mais demarcadas da cultura pop. Cores sóbrias, estampas diferenciadas demonstram uma mulher mais moderna e intensa que sabe o que quer.

Como encontrar o seu estilo

Se você não sabe qual é o seu estilo e tem dificuldade em descobrir qual é basta seguir as dicas abaixo de forma a encontrar aquelas peças que mais dialogam com você e com os espaços que costuma freqüentar. Confira!

Limpe o armário

O primeiro passo para descobrir o seu estilo é analisar todas as roupas disponíveis no seu armário. Uma dica é colocar as roupas em uma única pilha e então pegar cada uma e analisá-la levando em consideração alguns pontos.

O primeiro deles é o seu interesse e gosto pessoal pela peça, é muito comum que compremos uma roupa e então algum tempo depois ela deixe de ser interessante.

Isso é comum, afinal, nós todos mudamos com o passar do tempo. Somos influenciados a todo o momento e algumas coisas acabam sendo mais importantes que outras.

Desta forma, saber qual peça permanece e qual deve ser retirada do guarda-roupa. Existe outro motivo para fazer esta limpa esporádica: conseguir mais espaço para atualizar seu armário.

Separe as peças em duas pilhas: aquelas que vão permanecer e aquelas que devem ir embora. Não se esqueça de levar em consideração as combinações possíveis entre as peças.

Veja se aquela blusinha que você quer manter pode ser combinada com outras peças e em quais espaços ela pode ser utilizada. Este é um bom exercício para te ajudar a usar todas as roupas do seu armário.

Esta limpeza também vai ser muito útil para te ajudar a escolher as próximas peças para comprar. Ao retirar todas as roupas é possível ver quais são as peças básicas necessárias.

Além do mais, um armário arrumado e contendo apenas as roupas que são, de fato, usadas no dia-a-dia promove uma sensação agradável.

Autoconhecimento

Este é essencial para escolher o seu estilo.

O autoconhecimento não é apenas físico, mas também mental. Em relação ao primeiro, para conhecer seu próprio corpo, descobrir os aspectos que você deseja evidenciar, é preciso realizar uma análise detida. A melhor forma é retirar toda a roupa e se colocar na frente do espelho.

Pense em como você está agora e não como estará quando perder ou ganhar determinada quantidade de quilos. O autoconhecimento é também uma análise para descobrir o que há de belo e único em você. Veja quais são as partes que você mais gosta e que gostaria de deixar em evidência.

Por sua vez, o autoconhecimento mental deve ocorrer por um processo similar ao autoconhecimento físico.

Despir-se de todo o ruído, das atribulações da vida diária, das notícias ruins, de tudo o que não agrega à sua vida. Pensar nas coisas boas, no que te inspira, na sensação que se quer guardar.

Pense em obras de arte, em músicas que te fazem feliz, em fotografias, em momentos importantes. Estes são os sentimentos que são preciosos o suficiente para manter. Assim, a escolha das roupas fica mais fácil, afinal, você irá se inspirar no que há de melhor em você.

Descubra suas referências

As referências que encontramos podem ter origem em coisas diversas: arte, música, fotografias, entre outros. Uma forma de identificar suas referências é utilizar as redes sociais, principalmente o Pinterest e o Instagram para compilar fotos com modelos e estilos que você acha que gostaria de usar.

Faça uma pasta online com seus modelos favoritos, aquelas roupas que você consegue se imaginar usando.

Considere a sua rotina, os lugares que você frequenta e o tipo de roupa e tecido que te parecem mais confortáveis. Outra coisa importante é considerar as peças que você já tem.

Quando sua pasta online estiver repleta de imagens analise o conjunto e verifique quais foram os modelos e estilos que mais aparecem. Looks com saias, vestidos, bermudas? São roupas mais casuais ou mais sociais?

Considere sua rotina

Esta parte é muito importante, afinal, é preciso saber quais são os espaços que você costuma frequentar para que as roupas sejam condizentes.

Se o seu emprego possui um dress code casual, mas seu estilo aponta para roupas sociais, é possível fazer alguns ajustes para que você não destoe do espaço.

Da mesma forma, é possível atualizar determinadas roupas para ficarem mais sociais caso as suas escolhas sejam todas mais casuais. É importante pensar nos espaços em que essas roupas serão utilizadas para que o dinheiro seja bem gasto e nada seja desperdiçado.

Encontre acessórios interessantes

Acessórios são ótimas formas de atualizar um look. Dependendo o tipo de colar, brinco, lenços, bolsas e sapatos, é possível mudar totalmente a aparência e deixar uma roupa pronta para um evento diferente.

Um exemplo: se você estiver usando um twin set, calças jeans, tênis preto, pulseiras diversas feitas com miçangas e uma bolsa a tiracolo, o seu visual estará perfeito para ir à faculdade, por exemplo.

No entanto, se você colocar um scarpin e um colar discreto, por exemplo, é possível adentrar um ambiente mais social sem nenhum problema.

Acessórios também podem demonstrar a sua personalidade e gosto para o mundo. Existem aqueles acessórios mais divertidos, aqueles mais sociais, outros mais elegantes.

Cada modelo, com seus respectivos materiais pode transformar uma roupa e atualizá-la para utilizar nos mais diversos lugares.

Mantenha-se aberta a novas influências

O estilo não é uma coisa extática e que deve ser da mesma forma para sempre. As pessoas mudam, as sociedades também, a cultura passa por mudanças e os costumes também.

Tudo isso interfere na forma como observamos e vivemos no mundo e automaticamente, interferem também em como nos vestimos.

É muito importante manter-se atenta às novas influências, afinal, elas podem exemplificar com muita facilidade as mudanças do mundo.

Estar atualizada com as influências não significa usar todas as roupas que se tornam parte da moda e sim saber identificar as peças que fazem seu estilo.

A experiência de mundo se amplia quando mantemos a atenção focada, sabendo como identificar aquilo que pode fazer parte de nossa vida, nosso estilo. É sobre vivenciar todas as possibilidades que a vida dá.

Considerações finais

O twin set é uma peça muito versátil e ótima para aqueles dias frescos, mas que pode também não estar frio o suficiente para colocar uma blusa mais pesada.

Desta forma, o twin set ajuda a proteger do frio, além de poder ser retirado quando necessário. Em um país em que o inverno é bem mais ameno, esta peça se mostra particularmente importante dentre as peças essenciais.

você pode gostar também
Comentários