Tudo sobre beleza no Cupomzeiros.com

Conjuntos de Crochê: Como Usar, Onde, Quando e Ideias

Os conjuntos de crochê são uma tendência da moda que está em alta há alguns anos e não dá nenhuma indicação de que vai deixar de ser tendência. Venha saber tudo sobre esse assunto e ficar de olho nas nossas dicas!

O crochê é um tipo de criação artesanal que está profundamente inserida em nosso dia-a-dia. De toalhinhas, toalhas, mantas para sofá, colchas de camas, capinhas para botijão a gás e outros eletrodomésticos a conjuntos de crochê, esses modelos de roupas que são versáteis e conquistaram as passarelas e o mundo.

Pensando nessa versatilidade do crochê criamos esse texto para te ajudar a compor vários looks interessantes utilizando conjuntos de crochê e entender como estar sempre em harmonia nos mais diversos espaços. Confira!

O crochê e a moda

Os historiadores ainda debatem sobre a origem do crochê e as datas exatas ainda são envoltas em mistério, assim como o lugar. É possível que essa arte milenar tenha surgido há mais de 3500 anos.

Outros acreditam que o crochê é uma arte que os seres humanos desenvolvem desde os seus primórdios ao trançar materiais para criar redes de pesca, roupas, lugares para dormir.

No entanto, esse uso milenar não é o crochê que conhecemos hoje em dia. Quando falamos em crochê, pensamos naquelas toalhinhas que a avó ou a mãe crochetaram, ou então as capinhas para botijão de gás e outros eletrodomésticos.

Este tipo de crochê existe desde o século XVIII e é uma arte muito popular na América do Sul.

Teorias sobre a origem do crochê é o que não falta, mas o importante é que hoje em dia podemos usá-lo em diversas ocasiões, sendo a moda e o vestuário apenas algumas dessas possibilidades. Além disso, essa é uma arte que encanta pessoas de todas as classes sociais.

A própria Rainha Vitória, da Inglaterra, se apaixonou pelo crochê e ajudou a torná-lo popular.

Da nobreza inglesa, até artistas de Hollywood, ou pessoas que utilizaram o crochê para criar um negócio familiar, até mesmo às mães e avós de muitos brasileiros, o crochê é parte da cultura de muitos países e um modelo de artesanato que está em alta e provavelmente estará ainda por muitos anos.

Rainha Vitória fazendo crochê
Foto: blog.charmedodetalhe.com

Tipos de linhas para crochê

Quando se fala em crochê, na verdade está se falando de muitos crochês de diferentes tipos. Há muitas possibilidades disponíveis no mercado, que atendem a gostos e funções diferentes.

Existem linhas feitas de materiais diferentes, com diferentes espessuras de fios, alguns mais macios outros mais ásperos, uns mais finos e outros mais grossos.

São diversas opções para uma infinidade de modelos e opções de roupas, como os conjuntos de crochê.

Além disso, existem também a opção de crochê feita em barbante, uma opção que costuma ser destinada a trabalhos como tapetes, mantas de sofá, colchas, entre outros. Os barbantes costumam ser mais grossos e, portanto, destinados a produtos menos delicados.

Existem linhas em:

  • Algodão
  • Caxemira
  • Barbantes
  • Poliéster
  • Polipropileno
  • Poliamida

Nos dois últimos anos, em decorrência da pandemia de Covid-19, muitas pessoas começaram a se interessar por aprender a arte do crochê.

Na internet existem diversos cursos disponíveis para quem deseja aprender, com muitas dicas interessantes. Uma dessas dicas mais comuns é em relação ao tipo de linha para crochê que deve ser utilizada.

A dica é comprar vários tipos de linhas e fazer testes. Cada pessoa tem uma preferência diferente e tem interesse por tipos diversos de peças.

Um exemplo, mesmo que o interesse seja criar peças mais delicadas como conjuntos de crochê, existe todo um catálogo com opções diferentes para agradar a cada pessoa.

Assim, é possível fazer conjuntos de crochê para usar na praia com barbante, por exemplo. Ou então, para um resultado mais fino, com uma linha de algodão.

Além disso, cada tipo de linha possui uma espessura diferente, uma numeração que vai aumentando a quantidade de fios para deixar a peça mais consistente. Desta forma, as linhas de crochê podem ser de fios:

  • Finos
  • Grossos
  • Médios
  • Com texturas
  • Com brilho
  • Fiapos
  • Pompons
  • Cordões encerados

Para quem deseja adquirir uma amostra para teste, é possível encontrar em lojas especializadas tanto da internet quanto as presenciais, linhas com uma metragem bem menor, e com preços mais acessíveis. Assim, evita-se gastar dinheiro com rolos de metragem maior que podem não ser utilizados até o fim.

Tipos de produto que são possíveis de fazer com crochê

Cada produto feito em crochê é melhor desenvolvido se levar em consideração o tipo de linha. Para cada produto há uma indicação de linha. Confira!

• Algodão, Lã, Caxemira

  • Conjuntos de crochê;
  • Peças de roupas em geral como blusas, saias, croppeds;
  • Luvas e toucas;
  • Amigurumis; entre outros.

• Barbantes

  • Tapetes;
  • Mantas para sofá;
  • Bolsas;
  • Blusas mais pesadas.

• Poliéster, Polipropileno, Poliamida

  • Sapatinhos de bebê;
  • Gorro;
  • Casacos;
  • Tapetes felpudos;
  • Capas para almofadas.

Onde usar conjuntos de crochê

O crochê é um material muito versátil e funciona como uma opção de uso para diversos espaços, sejam eles formais ou informais. A adequação a cada espaço pode ser feita por meio de acessórios e também na escolha das cores e dos tipos de pontos e linhas.

Confira a seguir alguns locais em que é possível usar conjuntos de crochê com muita elegância e beleza!

No dia-a-dia

Imagem com conjunto de crochê para o dia a dia
Foto: conjunto de crochê para o dia a dia
Fonte: dellasatelier.wixsite.com

As roupas que usamos no cotidiano seguem modelos adequados ao nosso estilo de vida. Pessoas que trabalham em ambientes informais, por exemplo, se vestem de forma diferente daqueles que trabalham em ambientes muito formais.

Neste sentido, o primeiro passo é levar esse ponto em consideração antes de escolher os seus conjuntos de crochê mais adequados.

Para o dia-a-dia é possível utilizar saias de crochê que podem ser coloridas ou monocromáticas, perfeitas tanto para o verão quanto para o inverno.

Para cada estação, o que costuma mudar é a cor e o tamanho dos pontos. Pontos mais juntos e menores são ótimas opções para o inverno, afinal, deixa passar menos vento.

Em um almoço de domingo

Imagem com conjunto de crochê para um almoço de domingo
Foto: conjunto de crochê para um almoço de domingo
Fonte:

O almoço de domingo é o momento em que costumamos encontrar a família e os amigos para passar momentos agradáveis e descontraídos. No entanto, assim como os conjuntos de crochê utilizadas no dia-a-dia, é preciso pensar no espaço e nas pessoas presentes.

Não que o seu estilo deva ser submisso a outras pessoas, mas é possível demonstrar personalidade e também estar adequada ao ambiente. Um exemplo, se o almoço de domingo é feito em uma casa com piscina, então a roupa de crochê pode ser mais aberta e mais transparente, uma saia parecida com saída de praia.

Em uma festa elegante

Imagem com conjunto de crochê para festa
Foto: conjunto de crochê para festa
Fonte: shescoco.com

Um diferencial nas peças de crochê é o ponto. Existem diversos tipos de ponto no crochê, em graus variados de complexidade. Geralmente, os pontos mais elaborados são direcionados a peças mais elegantes e formais. Peças com pontos mais próximos e que formam uma padronagem diferenciada.

Além disso, a cor da roupa de crochê pode ser mais monocromática, evitando cores neon ou muitas cores em uma mesma peça. Conjuntos de crochê ou composições de crochê feitas com peças de outros materiais podem se beneficiar de tons mais monocromáticos para dar uma ideia de classe e elegância.

Imagem com conjunto de crochê de saia e cropped preto e detalhes bege
Foto: br.pinterest.com

Na praia

Este é um dos ambientes mais descontraídos possíveis. É um espaço em que é possível ousar no modelo e nas cores, demonstrando o máximo de alegria e descontração possível. O uso de cores fica liberado, com pontos mais largos e mais afastados, que possam permitir que o corpo respire com liberdade.

Outro detalhe interessante dos conjuntos de crochê de praia são as saias franjadas que imitam canga. É uma tendência do verão e tem sido muito utilizada entre os fãs de peças de crochê. Biquínis e maiôs também são opções interessantes e que podem ser feitos em muitas cores diferentes com diversos estilos de pontos.

Imagem com conjunto de crochê na praia
Foto: conjunto de crochê na praia
Fonte: elo7.com.br

Como combinar um look em crochê

Combinar looks utilizando conjuntos de crochê é bem similar a outros tipos de combinações de roupas que temos que fazer diariamente. Em um primeiro momento, o que vai ser levado em consideração é o autoconhecimento, é saber qual é o seu estilo e quais são as opções disponíveis, tanto de roupas quanto de acessórios.

Confira a seguir algumas dicas:

Pense primeiro no clima

O clima deve ser sempre um fator a ser considerado quando o tipo de roupa é crochê. Por ser este um modelo vazado, alguns mais outros menos, é preciso saber o quanto de frio ou calor será possível suportar com determinado tipo de fio e também com o tipo de padronagem dos fios.

Cada padrão de fios, ou seja, cada desenho, é feito de acordo com um esquema. Este delimita se o ponto será mais aberto e, portanto, passível de passar maiores quantidade de ar para que o corpo possa respirar mais facilmente.

A outra opção, com pontos mais juntos e padrões mais fechados, são interessantes para o inverno, protegendo melhor o corpo.

Conheça seu estilo

Aliar conforto, beleza e elegância depende muito do conhecimento do próprio estilo. Existem conjuntos de crochê em formatos e cores mais sóbrias, assim como aqueles com cores vivas e mais alegres, com o desenho dos pontos acompanhando essa disposição pessoal.

É importante ter em mente que roupas são exteriorizações de nossas personalidades, do que somos, pensamos e sentimos. Assim, para que exista uma coerência e também um equilíbrio pessoal, é preciso que os conjuntos de crochê escolhidos sejam condizentes com a personalidade e com o estilo da pessoa.

Escolha bem os acessórios

Acessórios são essenciais para qualquer produção. Sejam eles minimalistas ou mais chamativos e maiores, a ideia é realçar características que você quer que sejam realçadas.

Se você estiver utilizando um conjunto de crochê com a parte de cima sóbria e a parte de baixo mais colorido, o importante é manter um equilíbrio e não sobrecarregar o look.

Nesse exemplo, seria interessante esquecer os acessórios chamativos e focar em objetos que tenham cores compatíveis com a cor da roupa. Bolsas e sapatos são acessórios ótimos para equilibrar um look.

Se a roupa é monocromática, seja inventiva nas cores dos acessórios, se é ao contrário, opte por acessórios mais sóbrios que evidenciem a roupa.

6 dicas de como usar conjuntos de crochê em momentos especiais

Confira a seguir uma lista com 6 dicas de como usar conjuntos de crochê em diversas ocasiões. Estas são opções diferenciadas e para todos os tipos de gostos. Chega mais!

1. Casamentos, formaturas, festas formais

Estes eventos são considerados mais formais e com opções de roupas muito específicas. Ainda que existam diversos estilos de casamentos e formaturas, estas opções de conjuntos de crochê são direcionadas para aqueles eventos em que existe um dress code que pede mais atenção e seriedade.

Cores mais monocromáticas e lisas são as melhores opções para aparentarem classe e elegância. Além disso, é interessante investir em peças com padrões de desenhos mais elaborados. Aqui é importante levar o clima da época do evento em consideração: inverno e verão costumam ser determinantes na escolha do modelo.

Para eventos no inverno, escolha modelos com uma padronagem mais fechada, com pontos mais apertados, para que o vento e o frio não consigam ultrapassar os furos. Um forro mais firme e mais espesso pode ajudar.

Para o verão, modelos com pontos mais soltos para que o corpo possa respirar de acordo e não causar problemas.

Imagem com conjunto de crochê caramelo para festas formais
Foto: modaoperandi.com

2. Conjuntos de crochê em um festival

O Brasil é um país que conta com diversas atrações artísticas e festivais diversos para os gostos mais diferentes. O Rock in Rio e o Lollapalooza são apenas dois dos mais famosos em se tratando de festivais de música.

No entanto, existem diversos outros que pedem um look mais elaborado e diferente e os conjuntos de crochê podem ser ótimas opções. Festivais são locais que costumam ser mais descontraídos e com possibilidades mais liberadas de extravasar o estilo.

Assim, invista em conjuntos de crochê coloridos e com padronagens diferenciadas. A espessura dos fios ou mesmo o tipo de linha vai interferir no seu bem estar, portanto, se estiver frio, procure linhas mais espessas e que mantenham o calor.

Para momentos mais quentes, festivais que acontecem no verão, invista em peças com pontos espaçados, feitas com linhas mais leves e de espessura mais estreita. Esses detalhes podem ser determinantes para que você consiga curtir a festa numa boa e sem sentir nenhum tipo de desconforto térmico.

Imagem com conjunto de crochê colorido para festival
Foto: br.pinterest.com

3. Pegar uma balada na sexta-feira à noite

Como já pontuamos nesse artigo, o crochê é um material altamente versátil e pode ser uma ótima opção para diversos estilos e também para ocasiões bem diferentes.

Pegar uma balada na sexta-feira à noite, ou mesmo ir se encontrar com amigo em um barzinho fica ainda melhor com um conjunto de crochê apropriado para a ocasião.

Para saber a melhor opção é só fazer uma análise do lugar em que você vai, além de levar em conta a sua personalidade e o seu estilo para escolher sempre a melhor combinação.

Imagem com conjunto de crochê floral para balada
Foto: br.pinterest.com

4. Um brunch de domingo com os amigos

O brunch é um costume norte-americano que nada mais é que um café-da-manhã tardio e tomado fora de casa. No Brasil, este costume tem se popularizado e começa a se tornar uma tradição. Assim, nada mais comum que se vestir apropriadamente para ter um momento especial com os amigos ou com a pessoa amada.

O brunch é um momento de descontração, mas que sugere certa elegância, portanto, conjuntos de crochê em tons mais claros, acrescidos de acessórios confortáveis e descontraídos como sandálias de tiras, sapatilhas, sapatos de salto baixo.

Imagem com conjunto de crochê off white
Foto: br.pinterest.com

5. Um piquenique de domingo

O piquenique é um momento de lazer que envolve muita descontração, comida simples e prática, e roupas confortáveis para poder sentar na grama e ficar satisfeito. Saias longas de crochê acompanhadas de croppeds são tendências atuais e fazem com que muito charme e beleza seja levado ao piquenique.

Shorts e croppeds também são outra opção em conjuntos de crochê que mostram toda sua versatilidade em diferentes tipos de evento. São conjuntos que nunca saem de moda, seja em 1960 ou em 2022.

Imagem com conjunto de crochê para piquenique
Foto: br.pinterest.com

6. Conjuntos de crochê no dia-a-dia

E por fim, mas não menos importante, os conjuntos de crochê podem ser utilizados no dia-a-dia, tornando cada momento mais especial e mais bonito. Aqui vale a mesma regra já dita anteriormente: para combinar com perfeição é só prestar atenção ao espaço em que você está e se vestir de acordo.

Imagem com conjunto de crochê para o dia a dia
Foto: br.pinterest.com

Como cuidar das suas roupas de crochê

Para que suas roupas de crochê estejam sempre com a melhor aparência, é preciso tomar alguns cuidados. Confira!

Cuidado para não puxar fios

É preciso muito cuidado para não puxar os fios, afinal, qualquer coisa pode fazer com que a peça desfie. Brincos longos, colares e correntes, pulseiras, anéis, até mesmo fechos de sutiãs e outros detalhes de roupas mais estilizadas podem ser perigosos para essas roupas.

Cuide também para que a peça não entre em contato com aviamentos como zíperes ou botões.

Não coloque suas peças de crochê na máquina

A máquina de lavar, de secar ou centrifugar é muito perigosa para roupas e peças de crochê. Além do perigo de puxar fios, pode ser também que a peça perca sua estrutura, encolhendo ou alargando. Opte por lavar as peças à mão e com muito cuidado para que elas mantenham o estilo.

Não torça, nem estique no varal

Esticar as peças no varal ou mesmo torcer pode fazer com que as peças em crochê fiquem deformadas com bicos ou esticadas. Desta forma, é importante optar por estender as peças em superfícies ou mesmo mantê-las apoiadas sobre alguma tábua. Assim, a peça seca por completo e não precisa perder seu formato.

Cuidado com a umidade

Colocar as roupas para respirar de vez em quando pode ser uma ótima ideia, além de permitir que elas durem por muito mais tempo. Roupas de inverno, principalmente, podem ficar mais tempo fechadas e acabar sendo danificadas por bolor ou traça.

De vez em quando, estenda-as ao sol para que essas bactérias sejam eliminadas sem causar maiores danos.

Considerações finais

Tanto os conjuntos de crochê quanto os materiais no quais eles são feitos são peças versáteis que podem ser utilizadas das mais diversas formas e nos mais diversos lugares.

Seja em festas elegantes e formais, ou em barzinhos na noite de sexta-feira, ou ainda para curtir uma praia, com a ajuda de acessório é possível estar sempre bonita, elegante e pronta para qualquer ocasião!

você pode gostar também
Comentários