Um bom molinete facilita muito a vida de um pescador. Além disso, pode ser encontrado por preços muito baixos. Porém, há bastante variações de qualidade e valores. Então, você deve decidir a melhor opção para sua pescaria.

No início de seu aprendizado, esse item fará total diferença. Isso porque, fisgar o peixe exigirá apenas girar uma manivela. Bem como, o arremesso da linha é mais simples e não bagunça os fios. Portanto, saiba mais sobre esse produto e compre já o seu.

Com o Cupomzeiros, você faz a escolha certa e ainda pode economizar em suas compras online, utilizando cupons de desconto, e ganhando dinheiro de volta com o programa de cashback.

O que é um molinete

Existem varas de pesca manuais e aquelas usadas com manivela. Sendo assim, esta última é o molinete, que vem junto com um carretel fixo. Ou seja, ele não gira após o arremesso. Dessa forma, a linha será lançada mais facilmente sem se enroscar.

Quando esse item não é utilizado, o usuário corre riscos. Por exemplo, após lançar o fio, será muito mais difícil arrumar tudo de novo. Em outras palavras, não será possível recolhê-lo apenas com uma manivela. Assim, a chance de enroscar é grande.

Crianças iniciantes e até pescadores profissionais usam a ferramenta. Afinal, o ganho de tempo, praticidade e produtividade é enorme. Logo, em qualquer momento vale a pena comprar um molinete.

Muitos minutos são poupados por não precisar ficar puxando o peixe. Pois, não precisa usar a mesma força da vara de bambu. Por isso, a motivação dos aprendizes também aumenta bastante.

Tipos e variedades do molinete

Há a possibilidade de ajustar a manivela de lado. Então, você pode equipar a sua vara de acordo com sua mão dominante. Ou seja, destros usando na direita e canhotos na esquerda.

O principal aspecto que gera variedades é o tamanho da linha. Mesmo porque, cada espessura traz um benefício diferente. Assim, os principais tipos de molinete são:

  • Ultra-leve (0,14mm – 0,18mm);
  • Leve (0,18mm – 0,28mm);
  • Médio (0,28mm – 0,37mm);
  • Pesado (acima de 0,37mm);
  • Extra-pesado (capacidade acima de 25 libras).

Nem sempre a mais pesada é a melhor. Em outras palavras, cada linha serve para um tipo de situação. Por exemplo, quem pesca peixes menores e rápidos, deve usar a mais leve. Por outro lado, os mais pesados exigem espessuras maiores.

O que cada tipo tem a oferecer

É importante analisar a velocidade de recolhimento. Isto é, o tempo gasto para trazer o peixe para fora d’água. Nesse sentido, quanto mais leve o molinete, mais rápido ele é. Até porque, o menor peso permite menos força e mais giros da manivela.

A notação mais utilizada para representar essa medida é do tipo: “5,2:1”. Desse modo, o primeiro número representa o número de voltas do carretel. Em seguida, após os dois pontos, são os giros de manivela. Então, são 5,2 vezes para 1 rotação.

É crucial lembrar que para cada espécie há exigências diferentes. Assim, peixes pesados não podem ser pescados com números baixos na vara. Pois, isso significa que a velocidade é alta, e a resistência, baixa. Logo, avalie essa função antes da compra.

Principais critérios de escolha do molinete

Além desses pontos citados, é importante avaliar uma série de fatores. Por exemplo:

  • Material;
  • Quantidade de rolamentos;
  • Peso;
  • Funcionalidades extras.

Muitas vezes esses tópicos são ignorados pelas pessoas. Porém, fazem total diferença na duração do produto. Portanto, segue a explicação de cada um a seguir.

Qualidade do material

Diversos materiais estão presentes em um molinete. Nesse contexto, os mais comuns são: plástico, alumínio e grafite. No entanto, existem qualidades e defeitos em todos. Logo, cabe a você escolher de acordo com seu tipo de pescaria.

O plástico é o mais durável de todos. Portanto, é o melhor para quem não quer gastar muito dinheiro. Além disso, também tende a ser simples de cuidar. Contudo, não tem muita resistência a impactos mais fortes.

Já o alumínio é o mais resistente. Afinal, objetos de metal tendem a ser mais firmes. Todavia, há um maior risco de enferrujar. Por isso, o pescador precisa limpar a vara logo após o uso. Senão, em pouco tempo ela estará estragada.

Também há o molinete de grafite. Enfim, é o que melhor combina leveza com força. Além disso, o material não corrói em água salgada. Então, se você gosta de pescar no mar, essa é a melhor escolha possível.

Quantidade de rolamentos

Rolamentos são partes que deixam o deslize da linha mais fácil. Ou seja, quanto mais estiverem presentes, menos esforço a pessoa fará. Nesse contexto, a quantidade pode ser de 3 a 10. No entanto, para os amadores, 5 já são suficientes.

Peso

Quanto mais leve, melhor para o pescador. Pois, o peso do molinete é somado ao da vara. Portanto, é importante saber equilibrá-lo com as outras qualidades. Afinal, não adianta ter resistência se causar cansaço na pessoa.

Funcionalidades extras

Um dos defeitos desse item é a torção de linha. Em função disso, foram criados modelos que a impedem. Assim, procure no mercado se estes estão à venda e se encaixam no orçamento.

Conheça os melhores molinetes

Analisando esses principais pontos, podemos definir quais os melhores. Contudo, ainda é preciso adequar as escolhas às suas necessidades. Por isso, veja os molinetes a seguir:

Molinete para Pesca da Canário 30 Preto – Albatroz

Modelo Molinete para Pesca da Canário 30 Preto - Albatroz

Foto Reprodução: amazon.com.br

O principal material usado é o grafite, que combina peso leve com força. Por isso, é recomendado para usar no mar. Então, é bem útil para pescar peixes como salmão. Além disso, é indicado para crianças e profissionais de diversos níveis.

Em relação ao peso, gira em torno de 1.5kg. Então, é um pouco pesado. Porém, ainda é possível juntar com a vara sem dificultar o manuseio. Assim, a energia gasta pelo corpo será bem baixa.

Com 3 rolamentos, apresenta a quantidade mínima. Em outras palavras, a linha não será recolhida de forma rápida. Além disso, a proporção é de 5.2:1, que é padrão no mercado. Por essa razão, pode haver certa lentidão na pescaria.

Outro fator importante é a espessura do fio. Tendo isso em vista, dá para afirmar que é um molinete ultra-leve. Em outras palavras, a linha não servirá para fisgar peixes muito grandes.

Há também a questão do baixo preço. Afinal, está à venda na Amazon por apenas R$58,90. Portanto, é um custo acessível, em especial para os experientes.

De forma resumida, os prós e contras são:

Prós:

  • Por ser de grafite, é resistente ao mar;
  • Baixo peso;
  • Preço abaixo do mercado.

Contras:

  • Poucos rolamentos;
  • Baixa resistência a peixes pesados.

Molinete Para Pesca Prisma 2000 5 Rolamentos da Marine Sports

Modelo Molinete Para Pesca Prisma 2000 5 Rolamentos da Marine Sports

Foto Reprodução: amazon.com.br

Este molinete é feito de alumínio. No entanto, há um carretel reserva de grafite. Por isso, é possível realizar trocas de acordo com a situação. Mesmo porque, o produto é voltado para a pesca esportiva. Logo, diversos cenários estarão presentes.

O fator do peso também importa bastante. Nesse sentido, a peça tem apenas 290g, permitindo a leveza no esporte. Devido a isso, é possível combiná-la com a força do alumínio. Sendo assim, usar a vara não será difícil e cansativo.

Apresenta 5 rolamentos, uma quantidade mediana. Além disso, a proporção é de 5.2:1. Ou seja, é a medida padrão de recolhimento. Então, em relação à rapidez, não será das melhores. Porém, a resistência metálica permite pescar grandes peixes.

A espessura do fio é de 0.30mm. Desse modo, é um molinete médio. Assim, é possível dizer que este é bem equilibrado em vários sentidos. Além disso, está à venda na Amazon por apenas R$84.90. Ou seja, um fator equilibrado em relação aos preços no mercado.

De modo simples, os prós e contras são:

Prós:

  • Resistência do alumínio;
  • Carretel reserva disponível;
  • Preço equilibrado.

Contras:

  • Lentidão no recolhimento.

Molinete Para Pesca da Arena Traseira 3000 da Marine Sports

Modelo Molinete Para Pesca da Arena Traseira 3000 da Marine Sports

Foto Reprodução: amazon.com.br

Por ser uma peça de grafite, possui alta força e leveza. Por isso, essa marca é boa para os pescadores profissionais. Até porque, é um material bem versátil. Ou seja, adaptável a várias situações.

Um dos fatores cruciais é o peso. Isso porque, o molinete tem apenas 365g. Então, terá um fácil manuseio e uso na vara. Além disso, os materiais usados também ajudam nessa questão. Assim, isto resulta em uma boa opção para os iniciantes.

Apesar do uso simples, tem apenas um rolamento. Desse modo, existe a chance de formar uma “cabeleira”. Isto é, após o recolhimento, os fios podem se enroscar. Sendo assim, será muito difícil consertar o problema.

Em relação à espessura da linha, está entre 0,35mm e 0,40mm. Logo, pode ser pesado ou extra-pesado. Dessa forma, é útil para pescar grandes peixes no oceano. Por isso, em alto mar, essa vara pode ser muito importante.

De maneira geral, os prós e contras são:

Prós:

  • Peso muito leve;
  • Linha resistente;
  • Fácil manuseio.

Contras:

  • Apenas 1 rolamento;
  • Chance de criar “cabeleira”.

Molinete Pesca da Fb5000 Ultra 10 com Rolamento Reforçado

Modelo Molinete Pesca da Fb5000 Ultra 10 com Rolamento Reforçado

Foto Reprodução: mercadolivre.com.br

Mais um molinete à base de grafite. Porém, também conta com um carretel de alumínio. Logo, tem diferentes aspectos. No entanto, a que mais se destaca é a força. Afinal, a espessura da linha é de 0,30mm a 0,35mm. Ou seja, possui alta resistência.

Apresenta apenas 274g de peso. Portanto, não trará muito impacto na vara. Sendo assim, junto com os 10 rolamentos, será muito fácil pescar peixes de diversos tamanhos.

A relação de recolhimento é padrão. Por isso, não fará tanta diferença no uso do produto. Nesse sentido, em relação aos outros aspectos, este não é tão relevante. Então, a rapidez da pesca continuará igual, com ou sem essa proporção.

Em compensação, a linha é bem grossa e resistente. Até porque, possui a espessura de 0,35mm ou 0,40mm. Dessa forma, é chamada de molinete extra-pesado. Ou seja, é um material que suporta grandes impactos e peixes grandes.

Em geral, os prós e contras são:

Prós:

  • Linha resistente;
  • Peso muito baixo.

Contras:

  • Alto custo;
  • Relação de recolhimento indiferente.

Molinete da Shimano FX 1000 FC de Fricção Dianteira

ModeloMolinete da Shimano FX 1000 FC de Fricção Dianteira

Foto Reprodução: boto.com.br

Este produto é feito de muito grafite, pois é para ser usado no mar. Além disso, possui um carretel de alumínio, gerando bastante controle no arremesso. Portanto, é de uso seguro em lugares agitados como a água salgada.

Os tamanhos disponíveis são FXC 1000, 2500 e 4000. Ou seja, pesam 205, 250 e 320 g, respectivamente. Tendo isso em vista, são molinetes bem leves. Porém, todos tem apenas 3 rolamentos, o que pode gerar dificuldades para o recolhimento.

Um fator importante é a relação abaixo do normal. Em outras palavras, a proporção de recolhimento é de 5:1. Sendo assim, o processo de fisgar e pescar o peixe será mais lento. Até porque, o carretel dará menos voltas.

Por fim, é crucial avaliar a espessura da linha. Pois esta mede entre 0,25mm e 0,30mm. Então, pode ser leve ou médio. Sendo assim, será mais fácil capturar espécies menores e rápidas. Afinal, o fio não resiste a muita força e peso.

O produto está à venda no site O Boto por R$222,30. No entanto, preços altos não refletem qualidade.

A seguir, os prós e contras desse molinete:

Prós:

  • Leveza independente de tamanho;
  • Controle no arremesso;
  • Resistência ao mar.

Contras:

  • Alto preço;
  • Recolhimento difícil.

Afinal, qual é o melhor molinete?

Os 5 produtos listados são bons. Todavia, o melhor é o Molinete Para Pesca da Arena Traseira 3000 da Marine Sports.

Há diversas situações em que esta pode ser usada. Por isso, é uma boa opção para todos os níveis de pescadores. Junto a isso, a combinação de leveza e força agregou muito ao item.

Outro ponto importante é o ajuste para destros e canhotos. Em outras palavras, dá para escolher em qual lado fica a manivela. Além disso, o carretel é feito para arremessos longos. Logo, a precisão será grande.

Qual é o molinete com melhor custo-benefício?

O molinete da Marine Sports é muito bom. Contudo, o melhor custo-benefício é o da Albatroz, devido ao baixo preço. Até porque, nem todos tem condições de pagar caro nesses itens. Portanto, deve-se avaliar o que esse valor oferece.

Apesar de vários outros também terem, o grafite faz a total diferença. Isso porque, resistir aos impactos do mar é o principal aspecto do produto. Ou seja, a resistência, força e leveza da vara são vendidos por apenas 58 reais.

Compre seu molinete

Existem diversas formas de pensar no melhor molinete para você.  Por isso, analise preços, vantagens e desvantagens. Desse modo, será mais fácil tomar esta decisão.

Clique para avaliar
[Total: 0 Nota: 0]