O Melhor guia informativo sobre compras na internet.

TOP 10 do Melhor Vinho do Porto: Guia de Compras!

Você quer provar vinho do Porto e não sabe qual é bom? Descubra, agora, neste artigo, o TOP 10 Melhor Vinho do Porto do mercado atualmente, para apreciar à vontade!

O legítimo vinho do Porto vem da região do Douro, ao Norte de Portugal, sendo transportado para a região do Porto, onde é envelhecido e engarrafado. Geralmente, ele é um vinho mais doce e licoroso, de maior teor alcoólico, chegando a 22%.

Isso acontece porque sua fermentação é interrompida ao ser adicionada uma aguardente de 77% de teor alcoólico. Dessa forma, o açúcar natural da uva não se transforma totalmente em álcool e o deixa mais em forma de licor.

Ainda assim, existem muitas variedades de vinhos do tipo secos e extra-secos. No entanto, é sua característica ser mais doce e alcoólico. Os preços também variam, mas costumam ser mais altos, por tratar de produto nobre, de uma região específica.

Existem várias marcas de referência no mercado que produzem esse vinho português tão famoso. Então, continue lendo esse artigo para conferir qual o melhor vinho Porto, levando em conta os mais vendidos, os melhores custo-benefício, a qualidade e a facilidade de ser encontrado nos mercados brasileiros.

Top 10: Melhor Vinho do Porto

Vinho do Porto Taylor’s Fine Tawny

Imagem com Vinho do Porto Taylor's Fine Tawny
Foto: Vinho do Porto Taylor’s Fine Tawny

Em 750 mililitros, esse vinho do Porto é considerado um dos melhores vinhos do Porto que existem. Seu produtor é a renomada Taylor’s e ele feito com uvas Touriga Nacional, Tinta Roriz, Tinto Cao e Touriga Francesa. Ele é tinto, do tipo Tawny (tem contato com a madeira do barril e o ar, deixando-o menos doce), e tem teor alcoólico de 20%.

O Vinho do Porto Taylor’s Fine Tawny é ótimo para harmonizar com sobremesas à base de amêndoas, frutos silvestres ou chocolate preto, bem como com queijos intensos. É ótimo também como aperitivo, acompanhando nozes ou amêndoas torradas. A Taylor´s é uma das mais antigas produtoras de vinhos, com uma história que vem desde 1692, e dedica-se principalmente à produção do vinhos mais finos, envelhecidos em barris e garrafas.

Vinho do Porto Taylor’s Fine Tawny é bom?

Vinho do Porto Intermares Ruby

Imagem com Vinho do Porto Intermares Ruby
Foto: Vinho do Porto Intermares Ruby

O Vinho do Porto Intermares Ruby é um vinho português feito com uvas viníferas Tinta Barroca, Tinta Roriz, Tinto Cão e Touriga Nacional, e fortificado com água ardente.

Ele apresenta aroma de frutas vermelhas maduras e notas florais. Já no paladar é delicado, possui doçura equilibrada e final agradável. Com teor alcoólico de 20%, esse vinho é do tipo Ruby, ou seja, é amadurecido em tonéis de carvalho, sem contato com o ar, até ser engarrafado, mantendo suas características intactas.

Ele é ideal para acompanhar sobremesas à base de chocolate, e a versão Intermares Ruby é produzida pela Caves Messias. A vinícola foi fundada em 1926, por Messias Baptista, e, atualmente, a área possui 200 hectares, sendo 130 hectares ocupados com vinhas para a produção do vinho do Porto e do vinho Douro Quinta do Cachão.

Vinho do Porto Intermares Ruby é bom?

https://www.youtube.com/watch?v=1ezJ-LgPoug

Vinho do Porto Quinta do Portal Porto Alegre Tawny

Imagem com Vinho do Porto Quinta do Portal Porto Alegre Tawny
Foto: Vinho do Porto Quinta do Portal Porto Alegre Tawny

O Vinho do Porto Quinta do Portal Porto Alegre Tawny possui graduação alcoólica de 19% e um sabor bem doce e delicado. Ele é feito com um blend de uvas Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinta Barroca e Touriga Nacional.

Além disso, por ser apreciado como licor, ele é ideal para harmonizar com chocolate meio amargo, chocolates com recheios de castanhas ou nozes e amêndoas, sobremesas à base de chocolate amargo ou com especiarias, e queijos azuis.

A Quinta do Portal é uma casa portuguesa, familiar e independente que abraçou com toda a paixão o conceito de “Boutique Winery”. Ela se dedica à produção de vinhos do Douro, vinhos do Porto de categorias especiais, e ainda moscatéis e azeites.

Vinho do Porto Valdouro Ruby

Imagem com Vinho do Porto Valdouro Ruby
Foto: Vinho do Porto Valdouro Ruby

O melhor vinho do Porto Ruby, em custo-benefício, é o da Valdouro. Isso porque ele garante uma ótima qualidade, com excelentes avaliações, e um preço bem justo para a garrafa de 750 ml. Seu sabor é bem agradável, sendo atraído por especialistas e iniciantes. Ele é frutado, docinho, jovem, com toque acentuado de madeira e com teor alcoólico de 19%.

Ademais, o Vinho do Porto Valdouro Ruby é um dos rótulos de destaque desta lista de melhor vinho do Porto. Ele harmoniza muito bem com queijos, frutas secas e silvestres. E é feito com a mistura de várias uvas: Bastardo, Tinta Barroca, Tinta Carvalha, Tinta Roriz, Tinto Cão, Touriga Francesa e Touriga Nacional. A marca Valdouro é produzida pela vinícola Wiese & Krohn, da família Falcão, em Portugal.

Vinho do Porto Messias Tawny

Imagem com Vinho do Porto Messias Tawny
Foto: Vinho do Porto Messias Tawny

Mais um vinho da Caves Messias por aqui. Essa vinícola é uma das produtoras de vinho do Porto mais famosas atualmente. Ela produz diversos vinhos de ótima qualidade e com bons preços. Tanto a versão Ruby quanto a Tawny são consideradas bons vinhos! Com preço acessível e um teor alcoólico de 19,5%, o Vinho do Porto Messias Tawny é um dos mais vendidos no Brasil.

Seu sabor é doce e licoroso, ótimo para consumir em um cálice como aperitivo, ou ainda acompanhando queijos. A sugestão é degustar esse vinho assim que for comprado, sem deixá-lo envelhecer por muito tempo. Os vinhos que passam pelo processo de envelhecimento no estilo Ruby ficam menos tempo nos barris de carvalho. Logo, são mais jovens e possuem um aroma mais frutado e gosto adocicado.

Vinho do Porto Messias Tawny é bom?

Vinho do Porto Ferreira Ruby

Imagem com Vinho do Porto Ferreira Ruby
Foto: Vinho do Porto Ferreira Ruby

A qualidade desse vinho pode ser notada pela sua marca. A vinícola Ferreira existe desde 1751. Seus vinhos são nobres, consagrados e clássicos, tendo os vinhos do Porto como os favoritos de muitos degustadores. Em 750 ml e com graduação alcoólica de 19,5%, o Vinho do Porto Ferreira Ruby é licoroso, doce e possui cor rubi intensa.

Ele é feito de uvas viníferas das variedades Touriga Francesa, Touriga Nacional, Tinta Barroca, Tinto Cão e Tinta Roriz. Seu aroma é de fruta muito madura e intensa, com suave amadeirado provocado pelo envelhecimento em lotes de barril. Muito encorpado e com final muito persistente e fino. Ideal para acompanhar frutas silvestres e queijos.

Vinho do Porto Ferreira Ruby é bom?

Vinho do Porto Intermares Tawny

Imagem com Vinho do Porto Intermares Tawny
Foto: Vinho do Porto Intermares Tawny

Um dos vinhos mais vendidos nos mercados brasileiros e que não podia ficar de fora da nossa lista de Melhor vinho do Porto é este Vinho do Porto Intermares Tawny. Este Intermares também é produzido pela Caves Messias e possui ótima receptividade por seus apreciadores. Seu preço é ótimo, tem sabor doce, encorpado, com álcool integrado e final longo. Ele é fortificado, com aromas de frutas vermelhas em compota.

Além disso, esse vinho é amadurecido em tonéis de carvalho até ser engarrafado, sendo do tipo Tawny. Foi utilizado uvas viníferas na sua produção, como a Tinta Barroca, Tinta Roriz, Tinto Cão e Touriga Nacional. Ele é ótimo para acompanhar frutas e passas, mas também vai bem como aperitivo em um cálice.

Vinho do Porto Branco Taylor’s Chip Dry

Imagem com Vinho do Porto Branco Taylor's Chip Dry
Foto: Vinho do Porto Branco Taylor’s Chip Dry

Diferentemente dos demais, esse é um vinho do Porto branco, da renomada Taylor’s. Ele tem um valor mais alto, mas a qualidade e a sofisticação vale o preço. Em 750 ml, seu teor alcoólico é de 20%, e é feito a partir de vinhos brancos, cujas uvas crescem na região do Douro Superior (a zona Leste do Vale do Douro, em Portugal). A uva predominante no blend é a Malvasia Fina.

O Vinho do Porto Branco Taylor’s Chip Dry é delicado, com fragrâncias doces de fruta, em que se destaca a presença da madeira, característica típica de um vinho do Porto branco. Seu sabor é fresco, com um gosto seco que permanece na boca. E sua cor é clara, indo para o palha e dourado.

Um bom drink sugerido para fazer com ele é uni-lo com a água tônica, folhas de hortelã, limão e gelo. Super refrescante!

Vinho do Porto Branco Taylor’s Chip Dry é bom?

Vinho Português Porto Dom Manuel Ruby

Imagem com Vinho Português Porto Dom Manuel Ruby
Foto: Vinho Português Porto Dom Manuel Ruby

 O Vinho Português Porto Dom Manuel Ruby é um vinho tinto, elaborado a partir de uvas viníferas europeias, Tourigas portuguesas, advindo da região do Pinhão, no Alto Douro. Sua garrafa vem com 750 mililitros e 19% de teor alcoólico. Ele é do estilo Ruby e licoroso, com sabor doce e intenso.

Na harmonização, ele é ideal como aperitivo e também para acompanhar chocolates, dos trufados aos mais amargos. Seu aroma é de frutos vermelhos e compota. E sua cor é de rubi intenso, com nuances acastanhadas brilhantes. Ele é fortificado com aguardente, podendo chegar a um ABV de 20%.

Vinho do Porto Adriano Ramos Pinto Tawny

Imagem com Vinho do Porto Adriano Ramos Pinto Tawny
Foto: Vinho do Porto Adriano Ramos Pinto Tawny

Por último, mas não menos importante, um vinho da marca Ramos Pinto, uma das vinícolas mais famosas de Porto.

Envelhecido em pipas, este vinho se apresenta mais evoluído do que o tipo Ruby. Sua cor é um vermelho atijolado com alaranjados. No aroma, a primeira impressão é de leveza, evoluindo para uma grande suavidade adquirida pelo período armazenado em madeira. A sensação na boca é leve, quente e de grande macieza, resultado do seu envelhecimento.

O Vinho do Porto Adriano Ramos Pinto Tawny é um vinho maduro e frutado, com um carácter complexo e delicado, que forma um equilíbrio na acidez. Harmoniza muito bem com petiscos, torta de amêndoas, chocolates e doces portugueses. Pode ser usado também no tempero de carnes e peixes, especialmente o bacalhau. O seu teor alcoólico é de 19,5% volumes.

As pessoas também perguntam:

Qual é o verdadeiro vinho do Porto?

O verdadeiro vinho do Porto é um vinho licoroso, produzido na região do Douro, no Norte de Portugal, que recebe a fortificação de aguardente durante seu processo de elaboração. O objetivo de adicioná-la é aumentar sua graduação alcoólica. Quando essa adição ocorre durante a fermentação, esse processo é interrompido, pois as leveduras morrem devido ao alto grau de álcool. Com isso, o vinho fica com uma quantidade maior de açúcar residual, logo, ele será mais adocicado no paladar. Quando a adição da aguardente vínica ocorre apenas no fim da fermentação, ou seja, quando a levedura cumpriu a sua função de consumir o açúcar da uva, o vinho terá um paladar mais seco. Portanto, apenas os vinhos fortificados produzidos no Douro podem ser chamados de vinhos do Porto.

Qual a cor dos vinhos do Porto?

A cor do vinho do Porto varia conforme os diferentes tipos de vinhos do Porto. Ela pode variar entre os tons de tinto, bem vermelhos como rubi, ao alourado-claro, mais alaranjado. Além disso, o vinho do Porto pode ter cor clara, branco-palha e branco-dourado, que são as cores dos vinhos do Porto brancos, assim como mais roseado, indo para o cobre, que são as cores dos vinhos do Porto rosé.

Qual a diferença entre vinho do Porto e vinho tinto?

A diferença entre o vinho do Porto e o vinho tinto é que o segundo é elaborado a partir do processo de fermentação, ao qual o açúcar da uva é transformado em álcool. Já no caso do vinho do Porto, a fermentação é interrompida para que se adicione uma aguardente vínica, que é a substância que dará o teor alcoólico à bebida. Além disso, o vinho do Porto só é produzido na região do Douro, em Portugal.

Como escolher o melhor vinho do Porto

Para escolher o melhor vinho do Porto do mercado, você deve levar alguns quesitos em consideração. A variedade de versões disponíveis é grande. Existem os mais caros, mais em conta, os premiados, safras melhores que as outras, variação de uvas, estilo de produção, entre outras diversificações. Logo, é normal ficarmos indecisos na hora de comprar.

Mas não precisa ser especialista para adquirir um bom vinho. Em se tratando de vinho do Porto, você deve priorizar alguns quesitos.

Primeiramente, deve-se saber que o legítimo vinho do Porto, como o próprio nome já diz, só é produzido na região do Douro e envelhecido e engarrafado em Porto, em Portugal. Qualquer outra origem não pode ser considerado realmente um vinho do Porto.

Depois, observe as uvas utilizadas na produção. Muitos vinhos do Porto utilizam blends (misturas) de uvas para ter mais controle sobre a consistência, o aroma e a acidez. O ideal é escolher vinhos feitos da mesma variedade de uva ou da mesma safra, os chamados vinhos varietais. 

O vinho do Porto pode ser, também, de vários tipos: Ruby, Tawny, Rosé ou Branco. A escolha deve ser feita pela preferência do gosto. Vinho do Porto Ruby tem um sabor intenso e frutado. Ele é mais doce do que o Tawny, por ter ficado mais tempo armazenado no barril de carvalho, sem contato com o ar, preservando suas características. Ele é indicado para ser apreciado após as refeições, com chocolates amargos e meio-amargos, frutas vermelhas e frutas secas.

Já o vinho do Porto Tawny possui um sabor mais complexo e cor mais clara, alaranjada. Ele tem notas de nozes, amêndoas e damascos. Além disso, há o vinho do Porto Rosé, que é mais fresco e leve, ideal para dias quentes. E, por fim, há o vinho do Porto Branco, que é jovem, frutado e doce.

Ademais, há também os vinhos do Porto especiais, que diferem no envelhecimento, na safra ou na forma de engarrafamento, como o vinho do Porto Vintage, que é o mais especial dos vinhos; o tipo LBV (Late Bottled Vintage ou vintage engarrafado tardiamente), que vem de ótimas safras e envelhece por mais tempo no barril e na garrafa; ou ainda o Porto Reserva, que possui uvas de alta qualidade, cuidadosamente selecionadas.

Por fim, na hora de comprar, olhe a idade do vinho pela sua safra e verifique o preço, se cabe no seu bolso, e também o fornecedor de onde está comprando. Seguindo essas dicas, com certeza você estará adquirindo o melhor vinho do Porto!

Como se bebe um vinho do Porto

O vinho do Porto pode ser saboreado em diversas ocasiões, mas, ao contrário dos vinhos comuns, deve ser consumido em doses menores, em cálices. Os vinhos do Porto mais leves são bons como aperitivo. Já os mais encorpados são bons para serem degustados acompanhando o prato principal. Eles também são ideais para harmonizar com sobremesas, cafés, queijos, frutas secas ou chocolates.

Este tipo de bebida é muito versátil e pode ser harmonizado com muitos tipos de alimentos, possibilitando, a você, combinar da melhor forma que tiver vontade e desejar.

Considerações finais: Melhor vinho do Porto

Chegamos ao final do nosso TOP 10 Melhor Vinho do Porto! Deu para notar que há muitas opções boas no mercado, hein?!

A produção dessa bebida é feita na região do Douro, em Portugal, e segue a tradição de colheita de uva à mão. As uvas são esmagadas suavemente e toda a sua produção segue uma tradição e um cuidado muito especial, que pode ser notado no gosto único e delicioso do vinho.

Portanto, vale muito a pena apreciar um cálice desse vinho, especialmente para quem busca algo de qualidade superior. Sabendo usar nossas dicas e comprado apenas nos melhores sites para comprar vinho, com certeza, você conseguirá fazer uma ótima escolha!

Espero que esta lista tenha te ajudado a entender melhor esse mundo dos vinhos, sem precisar ser um sommelier, para poder comprar o melhor vinho do Porto! Se você gostou desse artigo, deixe um comentário e compartilhe! Até a próxima!

Clique para avaliar
[Total: 0 Nota: 0]
você pode gostar também
Comentários
>